28 fevereiro 2013

TAG - Para Saber Mais Sobre o Blog

Oii pessoal!!
Hoje eu recebi uma tag do blog "Livros Lovers", eu amei, achei super legal essa ideia de vcs poderem conhecer um  pouco mais de quem esta do outro lado.

As regras são:
  • Os blogs tagueados devem responder às 11 perguntas;
  • Eles devem indicar 10 blogs que também devem ser tagueados;
  • Os blogs escolhidos para a entrevista devem ter até 500 membros (pois o intuito é fazer com que sejam mais conhecidos).
1. Como escolheu o nome do blog? 
O nome do blog é um longa historia, mas basicamente a criação do blog foi ideia minha e de uma amiga, logo surgiram vários nome em inglês e de pronuncia complicada. Todos descartados imediatamente. Mas eu estava lendo o livro "Ladrões de Elite", e me veia a ideia, "Livros de Elite", simples, fácil e memorável.

2. Quanto tempo dedica ao blog?
Atualmente eu me dedico em tempo integral a internet e a leitura, pelo fato de não estar trabalhando e estudando a noite!  Faço parte da equipe de mais 2 blogs e sou adm de um grupo no skoob. 

3. Já teve algum problema com comentários anônimos no blog? Qual?
Não, até porque, não esta liberado essa opção no blog!

4. Pretende mudar algo aqui no blog em 2013?
Mudança é sempre bom, mas no momento o blog esta bem estruturado, não pretendo fazer nenhuma mudança em questão Layout, quem sabe algumas colunas novas.... Quem sabe?

5. Já ficou sem inspiração para postar? Como superou isso?
Já passei pelo famoso porre literário, não conseguia ler, então resenha nenhuma saia, mas eu tenho as minhas meninas que me ajudam aqui, então elas sempre salvam a minha vida nessas horas! Como eu superei? não sei, depois de alguns meses eu peguei Vampire Academy para ler novamente, acho que reler o meu livro favorito foi o que me "curou".

6. O que gosta de fazer quando está no computador?
Ah, eu tenho um vicio pelo skoob e pelo facebook, mas eu fico com varias abas abertas, twitter, monitorando o blog, hotmail... é, acho que é isso que eu faço.

7. Quantos livros você lê por mês? 
Esse ano o meu numero é 4!! hahaha 

8. Quantos blogs você visita por dia?
Não muito na verdade! alguns comentários para os parceiros, uma chegadinha no Guardiã da meia noite(faço parte da equipe), e quando me mandam algum recado comentando de algum blog.

9. Qual blog visita todos os dias?
Todo dia? NENHUM! Além do meu, é claro! kkkk

10. Quanto tempo você está na blogosfera?
Aqui no livros de elite, eu estou a 5 meses, mas como parte da equipe de outros blogs, a quase 1 ano.

11. Você se inspira em outro blog? Qual?
Não exatamente, pois eu acho que blog é algo muito pessoal, cada pessoa tem a sua maneira de repassar o conteúdo. Existe blogs que eu admiro, como o Guardiã da meia noite, Sobre livros, Fulana leitora entre outros.

Blogs indicados:






27 fevereiro 2013

A Hospedeira de Stephenie Meyer será uma trilogia!!

Heeey pessoal,essa noticia bombástica esta rolando na net foi confirmado!!! A hospedeira será expandido para uma trilogia.
Inicialmente quando o livro foi lançado ouve especulações sobre uma possível continuação, mas nada passou de rumores, e depois de tanto tempo, ninguém mais acreditava que isso acontecesse. Mas não é que recentemente a Stephenie e sua editora comunicaram que realmente teria continuação, sem data de lançamento  pois a escritora ainda está escrevendo, mas já divulgaram os títulos, que seriam:
  •  The Seeker.
  •  The Soul.

Bom, eu li a hospedeira recentemente, não é um livro que eu colocaria como preferido, mas a historia é legal. O que mais me deixa preocupada é essas extensões pós sucesso, como foi com The Vampire Diaries, que após todo estardalhaço que a serie fez, a escritora resolveu criar mais alguns livros, totalmente comerciais, diga-se de passagem, e extremamente cansativos, que não acrescentou em nada a historia, mas que serviu para deixar os leitores e principalmente os fãs da serie curiosos para ler e com isso faturar um pouquinho mais!
Isso é totalmente preocupante, eu não quero mais um livro onde mostra como plantar, irrigar e fazer pães. Eu quero ação. O enrendo de A hospedeira já foi fraco, não consigo imaginar que rumo a Stephenie  vai dar a esses novos livros, mas que melhore, PLEASE!!

26 fevereiro 2013

Sessão de Autógrafos com Rodrigo de Oliveira autor de O Vale dos Mortos


Oi gente!!!! Como vocês sabem, a Editora Baraúna é nossa parceira e nada mais justo do que ir prestigiar uma sessão de autógrafos da editora neh?? Pois bem, sexta, dia 22/02, o autor Rodrigo de Oliveira estava aqui bem pertinho de mim, então eu fui La no Vale Sul Shopping comprar e autografar meu livro de O Vale dos Mortos. O Rodrigo é joseense (como eu u.u) e adorei conhecê-lo, uma pessoa super simpática que não achou estranho eu falar demais!!!! Kkkkkk

Tirei algumas fotos que seguem abaixo:

Essa doida ai sou eu gente!!! E claro o Rodrigo de Oliveira \o/


Tive que perguntar algumas coisinhas neh? Afinal o livro foi escrito por um JOSEENSE!!!!!! Rsrsrsrsrs

Rodrigo super atencioso, autografando meu livro!!!!

E o autografo!!!! Como vocês podem ver, sou a mais nova amiga do Rodrigo (cof, cof, cof!!!) e adorei estar lá e conversar com ele. Ele me disse que esta trabalhando na continuação do livro e que tem previsão para lançamento no começo do ano que vem e que no próximo livro tem uma cena marcante em Taubaté!!!! Isso é maravilhoso neh? Estou muito orgulhosa da minha pequena cidade que também esta contribuindo para a nova geração de autores nacionais!!!! Ainda não li o livro, porque tenho alguns de parcerias para passar na frente, mas assim que eu tiver uma folguinha, o devoro e conto pra vocês ta!!! Há!!! Só para constar, eu não pude ficar até o final, mas já adianto que não vi nenhum brinde para os leitores... Nem marcadores do livro eu consegui. Vamos melhorar isso Editora Baraúna!!!!

Quem quiser saber mais sobre o livro, acesse a pagina no facebook ou a pagina do autor.Tem também uma promoção bem bacana que esta acontecendo no site do livro, para saber mais click AQUI.






5# Conhecendo o autor - Marco Antonio Rodrigues

Heey pessoal, que tal conhecer um pouco mais sobre mais um de nossos parceiros?
Bom, hoje vcs vão saber um pouco mais sobre o autor de  "Perspicácia", que por sinal um exemplar está sendo sorteado pelo blog na resenha premiada. Corre lá e confere, ok!?


Livros de Elite - Como você se sente em relação ao retorno que os leitores deram sobre seu livro?
Por ser meu primeiro trabalho, a insegurança caminhou ao meu lado em vários momentos, principalmente quando decidi formar parcerias com blogs literários, pois nessa “prova real” estaria expondo meu trabalho a pessoas imbuídas, qualificadas, comprometidas em algum grau com a literatura. Deixei o cômodo espaço dos tapinhas nas costas e elogios de parentes e amigos para conhecer a opinião de devoradores de livros e para minha alegria os comentários foram verdadeiramente agradáveis. A partir daí, passei a me enxergar como escritor.

Livros de Elite - Perspicácia é um livro que contém textos sobre o dia-a-dia e reflexões. Como surgiu a ideia de escrevê-lo?
Todos os dias, todos os momentos escondem valiosos ensinamentos pulverizados em inúmeras vertentes, riquezas estas que quase que em sua totalidade passam despercebidas. São oportunidades valorosas que o automatismo frenético, orquestrado pela incansável imposição do “TER”, subtraiu a capacidade, a sensibilidade inata que o homem possui de captar detalhes repletos de nutrientes presentes nos mais comuns momentos.
Foram essas sacadas que me fizeram transpor para o papel esses momentos que se perdem no cotidiano.
Desejamos conhecer outras ciências, outros universos, mas não conhecemos as coisas mais básicas que envolvem nossa espécie!

Livros de Elite - Você tem alguma inspiração para escrever? Como um lugar ou alguém?
Quando estamos obstinados num propósito específico ficamos mais sensíveis, mais receptivos com tudo que possa colaborar para aquele fim. No caso do livro, a vontade de construí-lo, de concluí-lo fez com que meu escritor, inevitavelmente ficasse mais aflorado, mais presente. Minha mente ficou voltada para esse propósito e os momentos menos propícios, mais comuns fertilizavam o meu imaginário.
Nesse estado captava inspirações em qualquer ambiente, guardava a ideia central na mente ou num papel qualquer e depois desenvolvia. Já perdi muitas inspirações por deixar na mente, mas quando ela é forte, resiste até ocupar uma página.

Livros de Elite - Como foi para você a construção do livro? Havia mais textos que ficaram de fora?
Inicialmente me preocupei com a qualidade das mensagens que passaria.
Um livro, depois de concluso, depois que ganha capa, revisão e diagramação ganha também ares de documento, torna-se um produto respeitado e num contexto geral transmite em algum nível, respeito, imponência e veracidade.
É uma enorme dádiva poder influenciar pessoas mas é também uma grande responsabilidade para o escritor atentar para qual direção irá sugerir ao seu leitor.
Apesar das coisas ruins, desagradáveis serem uma realidade, quanto menos fomentá-las menos pesado se tornará o dia-a-dia. O escritor é humano, portanto possui seu lado equivocado e sombrio, mas para que adicionar mais cargas negativas além das que já vivemos?
Depois que os textos estavam prontos, me preocupei em selecionar os melhores para iniciar e findar o livro, mas não consegui ir adiante, cada texto era independente e resolvi deixar como estava. Sim! Haviam outros textos quase prontos, mas resolvi preservá-los para um próximo trabalho.


Livros de Elite - Confesso que seu livro me conquistou pela capa. Foi você que a escolheu?
Não. A capa foi sugerida pela editora. De pronto senti que tinha tudo a ver com o livro.

Livros de Elite - Fale um pouco sobre Perspicácia para deixar os leitores com água na boca:
O livro aborda diversos temas! Fala de desconfortos comuns mas que grande parte das pessoas ainda sentem muita dificuldade de externa-los. Obriga o leitor a exercitar a reflexão e reapresenta autênticos valores construtivos que foram asfixiados por ilusórios valores fugazes, ocos e fúteis.
Como já foi mencionado em algumas resenhas, PERSPICÁCIA é um livro que torna útil os pequenos intervalos que o dia-a-dia nos oferece.  Por ser constituído de textos curtos e solto, o leitor pode aproveitar os minutos vagos para saborear um ou alguns textos.

Livros de Elite - Autor também gosta de ler neh? Quais livros são seus preferidos?
Confesso que não sou nenhum devorador de livros, capto e absorvo muita coisa com os olhos e ouvidos (Cinema e palestras, por exemplo), mas óbvio que também leio. Gosto de Augusto Cury, Literatura espírita, ciência espiritualista, Halan Coben, Eliane Brum, Martha Medeiros, Um dos últimos que li e fiquei apaixonado foi o livro comemorativo do centenário de Nelson Rodrigues (Extraordinário escritor)

Livros de Elite - Onde os leitores podem encontrar e comprar seu livro?
Podem comprar direto comigo, com direito a dedicatória e marcador (Facebook.com/perspicacia.livro)
Na editora: LP-Books
Nas livrarias: Cultura, Galileu, Gutemberg, do café

Livros de Elite - Como está sua agenda? Tem algum evento que você gostaria de convidar os leitores? 
No momento não tenho nenhum evento confirmado, estou aguardando o germinar de algumas sementes que plantei no ano passado. Estão surgindo coisas novas mas ainda não há nada firmado, acredito que ao longo desse ano algumas atividades surgiram aí informarei a todos pelo face book.

Livros de Elite - Fale um pouco sobre você:
Ambiciono publicar outros trabalhos, outros estilos (pretendo me experimentar na literatura), mas no momento estou focado em outras coisas, em garantir uma estabilidade financeira (Básica) para que eu possa num futuro me dedicar com mais tranquilidade ao oficio de escrever. No atual período meu escritor esta mais quieto mas ele jamais deixará de pulsar em meu íntimo.
Gostaria de agradecer a Ana Paula pela oportunidade que me foi dada.
Gostei muito das perguntas e espero ter contribuído com as respostas.
Abraço a todos.



24 fevereiro 2013

Grupo de colecionadores no Skoob!

Heeey pessoas!!
tudo bem? como foi o final de semana? Bom, o meu foi criativo, tão criativa que eu tive uma super ideia!!
Que tal começar um grupo de Colecionadores do Skoob?
é , eu sei que já existe e tal, mas não vinculado ao blog,  por isso eu criei a " Companhia do Marcador".


Gostou da ideia?
que tal participar e fazer a sua coleção crescer? vamos troca bottons, marcadores, livretos... todos esses mimos que o povo  gosta!! Quem quiser participar, é só clicar ali em cima, onde tem o nome do grupo em laranja, e tu vai ser redirecionado para o grupo!
 Let's Go!!

23 fevereiro 2013

Resenha - O bobo da rainha.



  • Série: Tudor
  • Autor: Philippa Gregory
  • Editora: Record
  • ISBN: 9788501082800
  • Ano: 2009
  • Páginas: 532

Sinopse:

Em um tempo no qual inocentes eram queimados como hereges, trair a coroa era desafiar a morte. Na traiçoeira corte dos Tudor do século XVI, a judia Hannah encontra uma maneira de se refugiar da Inquisição. Enviada como bobo santo pelo ardiloso Robert Dudley para espionar a princesa Mary, ela se vê envolvida na rivalidade entre as herdeiras do trono, que se desenrola em um palco de conflitos e paixões.
Cada um lutará com todas as forças pela coroa, mas Elizabeth não cometerá os mesmos erros que a mãe, Ana Bolena. Em uma corte onde as mentiras são peças de um jogo arriscado, apenas o bobo pode falar sinceramente: nesses tempos perigosos, uma mulher precisa escolher entre ambição e amor.

Resenha:

"Philippa Gregory é a dama do romance histórico"- Kate Mosse, autora de ‘Labirinto’


Tenho que concordar com a autora Kate Mosse,  já estou na leitura do quarto livro da série Tudor, me rendo a essa afirmação, li outros romances históricos mas os dessa autora são os melhores realmente.
O bobo da rainha trata do período em que o reino da Inglaterra era disputado entre Mary e Elizabeth, logo após a morte do rei Eduardo, que ficou pouco tempo no trono devido a morte precoce.
Quem narra essa história, é Hannah, o bobo da rainha que dá nome ao livro, criada desde criança para ser o bobo da corte, mas com um dom especial, ela tem a Visão, prevê o futuro e isso a mantém segura dentro da corte e acaba virando amiga e confidente das duas irmãs, Mary e Elizabeth sendo por elas tratada como espiã uma da outra durante o reinado de Mary.

(...)A coroação da minha senhora, Lady Mary, foi marcada pela primeiro dia de outubro, e toda corte, toda a cidade de Londres, todo o país, passara grande parte do verão se preparando para a celebração que colocaria a filha de Henrique, finalmente, no trono(...)

Mary Tudor, filha de Henrique Vlll e Catarina de Aragão, traumatizada em sua infância pelo abandono de seu  pai, foi uma mulher muito culta, corajosa, apaixonada pelo marido e por seu povo, mas ao mesmo tempo uma fanática religiosa, tornou esse período um dos mais sangrentos da história da Inglaterra devido ao uso dos métodos da Inquisição Espanhola, fez questão de retomar o catolicismo que seu pai tirara quando separou-se de sua mãe, período em que criou a Igreja Anglicana e o protestantismo era a religião oficial até Mary assumir o trono, isso deu-lhe fama de sanguinária, gerando o apelido de Maria Sangrenta(Bloody Mary), por perseguir e mandar exterminar cerca de 300 protestantes impondo sua religião a todo custo em seu país.
Elizabeth, sua meia – irmã, filha de Henrique Vlll e de Ana Bolena, era vista por Mary com inveja principalmente porque seu pai a obrigou a cuidar dela enquanto bebê como se fosse babá ou criada, não a tratando como princesa legítima como era tratada Elizabeth na época. Porém apesar de tudo a amava muito, mas a diferença religiosa, por Elizabeth ser protestante, acabou por desuni-las, e  o fato dela conspirar contra Mary para assumir o trono, tornou-as quase inimigas.

(...)A hostilidade à rainha acentuava-se a cada dia que Elizabeth andava pela corte com a cabeça ereta, e o nariz para cima, toda vez que evitava a estátua de Nossa Senhora na capela, toda vez que abandonava o rosário e, em vez dele, usava um livro de orações em miniatura preso em uma corrente em sua cintura.(...)

Este é um livro que vale muito a pena para se compreender melhor esse período nebuloso da história, em que expor seus conhecimentos e vivenciar sua fé,  já era correr o risco de ser torturado e queimado nas fogueiras da Inquisição.


22 fevereiro 2013

Lançamento Baraúna - O Vale dos Mortos

Neste dia 22 de fevereiro às 20h horas será o lançamento do livro O vale dos mortos, do autor Rodrigo de Oliveira. Uma obra que vai agradar desde os aficionados por ficção científica até leitores que adoram um romance. O evento será na Livraria Maxsigma do Shopping Vale Sul em São José dos Campos.





  • Autor: Rodrigo de Oliveira
  • ISBN: 978-85-7923-675-4
  • Nº de páginas: 371
  • Formato: 14 x 21 cm
  • Valor do exemplar: R$ 42,90
Neste cenário caótico uma família inicia uma luta desesperada pela sobrevivência. Assim, surgirão dois líderes capazes de guiar os poucos sobreviventes de uma cidade do interior de São Paulo para enfrentar uma horda de zumbis canibais. Com passagens em Brasília, nos Estados Unidos, na China e na França “O Vale dos Mortos” é uma história de zumbis com ação frenética e muita violência, que também trata de valores como liderança, trabalho em equipe, e a força de um jovem casal capaz de tudo para proteger seus filhos e amigos. Acima de tudo, O Vale dos Mortos trata de uma grande história de amor capaz de sobreviver a tudo, até mesmo ao fim do mundo.

PROMOÇÃO!!
Está rolando no Facebook da Editora Baraúna um concurso Cultural que irá premiar as duas frases mais criativas com um exemplar de O vale dos mortos + marcadores da Editora.
Para participar é só clicar AQUI.

21 fevereiro 2013

Resultado: Promoção Sambando com Livros


Oii pessoal!!
saiu o resultado da nossa promo de carnaval!!!  é isso mesmo!! mas eu queria muuuuito agradecer a vcs, pois a promo foi um sucesso. Obrigado!! e para quem não ganhou, nada de ficar triste, logo logo tem mais!
e a ganhadora é:



19 fevereiro 2013

Selinho : 2013 Literário


Regras do Meme:
Citar o nome e o link de quem te enviou:
aaaaaaaah, quem me enviou o meme foi a linda da Cibele do "O marca paginas".Muuitoo obrigado.

Indicar 2 livros (no minimo) que leu em 2012 e gostou:
Bom, eu li tantos livros em 2012 que nem sei como escolher só dois. Mas se eu tivesse que listar, acho que seria "Divergente", "Belo Desastre" e "Dizem por ai", não consigo escolher só dois, tem que ser três!! hahaha

Listar 3 livros (no minimo) que deseja ler em 2013:
Desejo desesperadamente ler "Insurgente", a sequencia de Divergente, também estou ansiosa par ler "O último eco",que é a sequencia da serie The Body Finder e "Walking Disaster", que é uma versão do Travis Maddox de Belo Desastre. Essas são os mais esperados!! \õ


Oferecer para mais 10 blogs ou pessoas e avisá-los:




4# Conhecendo o autor - Lú Piras.

Heeey, pessoal!! vamos dar continuidade a nossa coluna semanal?
e que tal conhecermos um pouco mais sobre a nossa parceira Lú Piras ? ela concedeu uma entrevista para a Ana Paula, onde ela conta um pouco mais sobre o seu trabalho, e ainda nos conta sobre o lançamento da sequência de Equinócio.



1     Livros de Elite -      Como você se sente em relação ao retorno que os leitores deram sobre seus livros?
 É muito gratificante e motivador. Eu vejo cada mensagem que recebo dos leitores como uma sementinha que foi plantada e germinou. A mensagem do livro foi recebida e, o melhor, foi compreendida. Um escritor nunca escreve por escrever. É uma paixão, mas é também a realização de uma necessidade de expor, de desabafar, de compartilhar sentimentos. Por isso, não há nada que me encha de mais alegria do que o feedback dos leitores, do que saber que minha história tocou, sensibilizou, inspirou e que existe essa sintonia entre mim e minhas maiores fontes de inspiração, que são as pessoas.

Livros de Elite - Quando e como surgiu a ideia de escrever Equinócio?
 Equinócio surgiu de um passeio a uma livraria no bairro onde moro. Era fim-de-semana e eu andava aleatoriamente pelos livros de arte quando uma capa chamou minha atenção. Eu reconheci de imediato a minha escultura favorita na capa, “Eros e Psiquê” de Antônio Canova, mas daquela vez olhei para a escultura com os olhos diferente. Não apenas de admiradora, mas de escritora.  Fantasiei aquela cena entre um anjo e uma mortal e no conflito entre ele assumir o que sentia por ela ou protegê-la como era o deu dever. E ali eu decidi o tema do livro, anotando algumas palavras no celular para não esquecer quando chegasse em casa. Depois disso, foram sete meses escrevendo sem parar para dar vida ao anjo Nate e à humana Clara. 

Livros de Elite - Além das sequências de Equinócio e o livro A Última Nota, você tem mais algum projeto em que está trabalhando?
 Sim. Neste momento eu e Felipe Colbert (meu parceiro em A Última Nota) estamos com mais um projeto juntos. Como bem referiu, estou envolvida com as últimas revisões de Polaris, que será lançado ainda neste semestre pela Dracaena Editora e também as revisões para a segunda edição de Equinócio. Além disso, tenho outro trabalho solo, que será um romance atual, urbano que está crescendo todos os dias. Espero dar notícias em breve. 

Livros de Elite - Você teve alguma influência externa (de outros livros, por exemplo) para escrever Equinócio?
 As únicas influências que tive foram das pesquisas que realizei para compor os anjos de Equinócio. Pesquisei em diversas enciclopédias e livros de angelologia. Durante esse processo eu tive conhecimento de outros romances com a mesma temática, como Fallen e Sussurro, mas procurei não me informar muito sobre eles naquele momento. Equinócio foi escrito com base em referências pessoais, experiências e tudo aquilo que colecionamos na nossa vida. Eu sempre tive um perfil muito observador, desde criança. Isso me ajuda muito na hora de estruturar personagens e criar ambientes para as cenas que descrevo nos livros. 

Livros de Elite - A estória de Equinócio se passa no Rio, uma cidade maravilhosa. Você foi em alguns dos lugares descritos no livro e imaginou seus personagens por ali?
 Com certeza! Essa resposta complementa bem a anterior. Nasci e cresci no Rio. A maioria dos meus referenciais está nesta cidade. Vivi alguns anos em Portugal e quando regressei, estava com tanta saudade da minha cidade que quis lhe fazer essa homenagem. A história também pedia esse tom de realismo, tendo em conta que é um sobrenatural que envolve humanos. Eu queria que o sobrenatural tivesse verossimilhança, que os leitores pudessem se identificar e imaginar que aquela história poderia ser verídica. Por isso dei muito valor às descrições dos ambientes e, sim, sempre que visito alguns lugares, imagino os personagens lá. Eles estão sempre comigo. O Arpoador sem Nate e Clara fica vazio para mim. 

Livros de Elite - Autor também gosta de ler, neh? Quais livros são seus preferidos?
 Tenho muitos livros preferidos, todos os livros de Clarice Lispector, em especial “A Hora da Estrela”. Um que me marcou muito na adolescência foi O Diário de Anne Frank, por isso, sempre cito quando me perguntam. 

Livros de Elite - Onde os leitores podem encontrar e comprar seus livros?
 Equinócio e A Última Nota estão disponíveis em impresso e ebook, tanto nas lojas virtuais das maiores livrarias como nas lojas físicas. É mais fácil encontrar os melhores preços online. 

Livros de Elite - Fale um pouco sobre a sequência de Equinócio.
 Polaris – o Norte é o segundo volume da série, que está programado para ser publicado ainda no primeiro semestre deste ano pela Dracaena Editora. Em Polaris, dando seguimento à trama, Clara e Nate precisarão enfrentar alguns desafios, tomar decisões importantes ao mesmo tempo que outros personagens ganham destaque, como Jonas, Marcus e Rodrigo e o segredo que os ronda. Muitos pontos serão fechados e dúvidas esclarecidas, assim como algumas surpresas farão o leitor ficar com o coração na boca.

Livros de Elite - Ainda não li A Última Nota, mas tenho lido resenhas incríveis sobre ele. Como foi para você escrever um livro em parceria? E de onde surgiu a ideia?
 Obrigada. Fico muito feliz com o feedback positivo sobre A Última Nota, mas confesso que não estou muito surpresa com a receptividade do público. É um livro destinado a agradar aos românticos e românticas de plantão. Quem não ama um bom romance? Quem não quer vivenciar um, mesmo que folheando as páginas de um livro? É um livro despretensioso, leve, com uma leitura rápida e que prende. Os capítulos são curtos e sempre terminam de modo que o leitor fica curioso para saber o que vai acontecer a seguir. Por essa razão, é um livro muito rápido de ler. E certamente deixa saudades pela forma como termina. Há aquele gostinho de quero mais.
Foi uma incrível experiência escrevê-lo em parceria com o Felipe. O convite partiu dele, que conheceu meu trabalho através de Equinócio e precisava de um escritor com narrativa romântica para compor a trama com ele. Houve grande sintonia logo de imediato e o resultado agradou aos dois. Por isso mesmo, já estamos trabalhando em outro projeto juntos.

Livros de Elite - Como está sua agenda? Tem algum evento que você gostaria de convidar os leitores?  
Ainda estou organizando a agenda para 2013. Pretendo dedicar-me mais aos lançamentos A Última Nota, Equinócio, Polaris este ano, mas não vou abdicar do meu tempo com os leitores. Adoro participar de eventos e ter esse contato com o meio literário.

Livros de Elite - Fale um pouco sobre você:
 Eu sou romântica e sonhadora. Gosto de inventar histórias desde que me entendo por gente e, principalmente, gosto de me convencer de que essas histórias que conto são de fato verdade. É por isso que a literatura está no meu sangue e é a paixão que neste momento move meus objetivos de vida. Mas não é possível falar de mim hoje, sem falar de vocês.
Agradeço imensamente todo o carinho que venho recebendo dos leitores desde que Equinócio era um sonho, com uma campanha de publicação que movimentou a blogosfera literária. Muitos acompanharam a trajetória e ainda hoje estão comigo nessa caminhada. Com dois livros publicados em 6 meses, eu me considero uma escritora nacional que venceu em 2012 e duas publicações programadas para 2013. E devo isso aos leitores e aos blogs como o EU Leio e Você que incentivam a literatura nacional.

17 fevereiro 2013

Meme: Se Sua Vida Fosse um Filme





Regras:
  • Abra sua lista de músicas: No Ipod, celular, MP3 player, Windows media player, qualquer lugar.
  • Coloque no modo Aleatório.
  • Aperte Play
  • Para cada pergunta abaixo, escreve o nome da música que estiver tocando.
  • Quando passar para a próxima pergunta, vá para a próxima música.
  • Não minta e não tente parecer legal.

- Créditos iniciais: Set Fire to the Rain - Adele
- Tema do seu nascimento: Just Feel Better - Carlos Santana ft. Steven Tyler
- Primeiro dia na escola: All Star – Smash Mouth
- Primeira briga: Around the World - Red Hot Chili Peppers
- Primeira decepção amorosa: November Rain - Guns 'n Roses
- Tema de sua vida escolar: Runaway - Linkin Park
- Tema de sua vida adulta: Highway to Hell - ACDC
 - Trilha sonora para sua primeira vez: Can't Stop - Red Hot Chili Peppers
- Trilha sonora para as demais vezes: In The End. - Linkin Park
- Primeira canção em seu carro: After Midnight - Blink 182
- Tema de seus flashbacks: Faint - Linkin Park
- Sua canção de namorados: Monalisa - Jorge Vercilo
- Música de seu casamento: One Step Closer - Linkin Park
- Tema do nascimento de seu (sua) primeiro (a) filho (a): It Will Rain - Bruno Mars
- Última música que ouvirá antes de virar gagá: Don't Stay - Linkin Park
- Música que estará tocando quando morrerá: Patience - Guns 'n Roses
- Música do funeral: Enter Sandman - Metallica
- Créditos finais: Don't Cry - Guns 'n Roses

Adorei fazer esse meme!!!! Ri muito com ele. Juro que não menti, essas musicas realmente estão no meu celular e não me canso de ouvi-las. Sim, eu ADORO Linkin Park e Guns, por isso têm tantas... Mas ainda faltaram algumas que eu gosto muito. Fala sério, trilha de sua vida adulta arrasou neh??? Não que minha vida seja um inferno, mas adorei!!! E a musica do meu casamento está super, hiper, mega errada... Será Patience do Guns... Entrarei na igreja com essa musica tocando ao fundo (PS. Se um dia eu casar na igreja J) E vcs? O que acharam? Comentem!!!! Bjoss ^^


Blogs indicados:



16 fevereiro 2013

Resenha Premiada - Perspicácia.



  • Editora: LP - Books
  • Autor: Marco Antonio Rodrigues
  • ISBN: 978-85-7869-356-5
  • Ano: 2012
  • Páginas: 177


Sinopse:

O trabalho reúne 77 textos variados. Fala de atualidades e de antiguidades, ora foca no espírito, ora nas dores, ora toca nas emoções, ora mexe com os instintos, mas em todos os momentos impõe introspecção e obriga a reflexão. As páginas desta obra tranquilizam e nutrem, aquietam e impulsionam, tocam nas feridas de forma medicamentosa. É um livro leve, revigorante e, sobretudo transformador.


Resenha:

Perspicácia – O Aprendiz e a Vida. Um livro de textos, reflexões, verdades e aprendizado. Um livro com textos simples, mas que mudarão sua visão sobre a vida.

Marco Antonio soube como montar um livro com textos realistas e que tocaram o leitor do começo ao fim. Com uma escrita simples e objetiva, nos leva a ver a verdade estampada em cada ato, gesto ou pensamento. Reavalie, despeça-se, reviva, responsabilize-se, recomece, anteveja, perceba...

Quero agradecer ao autor, por ter escrito algo tão valioso e verdadeiro. A leitura é fácil e depois que você começa, não consegue parar até terminá-lo. Eu li este livro em menos de um dia!!!! A capa é linda e como vocês podem perceber, adorei cada palavra escrita. A única coisa que me incomodou um pouco foram as páginas brancas, mas de resto, tudo simplesmente perfeito.

Tudo neste livro é questionável, leia e se questione. Leia e tire suas próprias conclusões. Leia e identifique-se.

“O momento é de superação. Chega de, aos primeiros açoites, nos entregarmos aos atos e comportamentos que nos apequenam, que curvam nossas frontes para o solo, que fazem o travesseiro nos humilhar em noites insones”


Sobre o autor:




Marco Antonio Rodrigues reside em Niterói – RJ desde 1966, ano em que desembocou no planeta. Arrastado pelos sedutores prazeres da juventude asfixiou por longa data o intrínseco desejo de escrever, impulso esse que jamais deixou de vibrar em seu íntimo. Hoje, mais maduro e experiente, reavivou o escritor cataléptico que sempre residiu em seus meandros e decidiu aventurar-se pelos labirintos das palavras. Em 2011 foi premiado com o texto “Eu e eu”, publicado com menção honrosa no “1º PRÊMIOESCRIBA DE CRÔNICAS” – concurso promovido pela Prefeitura Municipal de Piracicaba – SP, disputa que envolveu 770 inscritos e mais de 1.500 trabalhos, não só de participantes do Brasil como também de Portugal, Polônia, Chile, Israel e Japão. Tendo seu trabalho figurando entre os 21 textos que compuseram essa coletânea, Marco Antonio Rodrigues avaliou que tem muito a aprender, mas também concluiu que pode, deve e irá contribuir.


  PROMOÇÃO!!

Que tal ganhar um exemplar do livro?
gostou da ideia? bom é só seguir as regras, e preencher o formulário abaixo, e lembrando que TODAS as regras são OBRIGATÓRIAS!!
O blog tem 30 dias após o sorteio e o contato com o ganhador para enviar o premio.

a Rafflecopter giveaway

15 fevereiro 2013

Resenha - Princesa de Gelo.

  • Editora: MODO
  • Autora: Thayane Gaspar Jorge
  • ISBN: 978-85-65588-14-0
  • Ano: 2012
  • Páginas: 220

Sinopse:


"Eu não tenho coração. Acredite, é verdade. Até mesmo em momentos em que a adrenalina prevaleceu em meu sangue fazendo com que ele trabalhasse mais rápido. Eu deveria ouvi-lo bater ou ao menos senti-lo, mas é como se ele não fizesse mais nada além de pulsar. Não pulsar vida, mas apenas, apenas sangue para que o meu corpo, ligado a minha alma sempre mórbida, continue respirando. Feitiço. Magia. Encanto. Poções. Bruxaria. Não, apenas meu coração e simplória e podre maldição."

Resenha:

Alessa acredita não ter coração. Já viveu alguns relacionamentos e deles teve a certeza de que não podia sentir nada.  Seu último relacionamento foi a gora d’água. Ele entregou seu coração a ela, ela não tinha um coração para entregar. Alessa então decide que não vale a pena viver. Tenta suicídio, e é neste momento de “distração” que o destino lhe prega mais uma peça. Quando ela pensa que nunca poderá se apaixonar, o amor bate a sua porta em forma de um garoto doce, amável e extremamente bonito.
Alessa não se entrega, tenta de todas as formas distanciar Eric, com medo de que ao se aproximar mais, descubra o que pensa já saber: Ela não consegue amar. Mas Eric não desiste. Ele quer descobrir os segredos desta Princesa de Gelo. Afinal ela já tem seu coração nas mãos, desde o dia em que a viu no banheiro da escola, com os pulsos cortados e sangrando... Eric quer saber o que fez Alessa ter essa reação, quer entender Alessa, mas isso não será nada fácil.

“... Sabe quando um pequeno toque abrupto pode estilhaçar uma peça de vidro artesanal? E por isso utilizam cercas e obstáculos para que estejam seguras sempre? Eu sou exatamente assim. A maquiagem, os piercings, as palavras cruéis, tudo é um simplório mecanismo de defesa para que eu não me quebre e me despedace em milhões de pedaços.”

Desde quando eu li a sinopse deste livro pela primeira vez, eu já o queria. Não sabia ao certo do que se tratava, mas confesso que superou todas as minhas expectativas. Alessa é uma garota que não quer sofre, e quem realmente quer? Ela tem suas façanhas para manter as pessoas longe o suficiente para não se machucar e nem machucar os outros. Alessa é tão real, que em certos pontos da leitura, me senti na pele dela, sentindo o que ela sentia. O livro é narrado em primeira pessoa, então imagina o desespero que Alessa passa pra gente durante a leitura. É incrível!

Thayane conseguiu em um livro pequeno, mostrar tantos valores preciosos que tenho certeza, valem para uma vida toda. Uma pessoa tão jovem com uma visão tão profunda da vida. Uma leitura envolvente, crítica, Alessa é uma criatura ingênua e sensível, mas que não sabe como lidar com esse sentimento tão poderoso e avassalador: O amor.

Por outro lado, encontramos Eric Lacrov, o “cara”. Bonito, atlético, amável, sincero. Eu poderia ficar o dia inteiro encontrando adjetivos para este personagem. Certamente ele não existe claro!! Mas se existisse, seria perfeito. Um personagem extremamente bem formulado e criativo. Um verdadeiro amor!!! Rsrsrsrs

Uma estória que vale muito a pena ser lida. Apesar de em alguns pontos ficar um pouco arrastada, a leitura flui perfeitamente bem e sem complicações. A capa é linda e só a revisão que deixou um pouco a desejar. Não encontrei muitos erros, mas os poucos que encontrei dificultaram um pouco a leitura naquela parte.

“Eu já tive um coração, verdade! Assim como seus pais já foram crianças um dia. Não que eu me lembre de como era tê-lo, mas lembro-me bem de como o perdi.”

Sobre a autora:

Thayane Gaspar Jorge, 19 anos, nascida no Rio de Janeiro- RJ e estudante de jornalismo.
“Preciso escrever, não importa o quê ou para quem. Sou escritora há 19 anos – a minha vida inteira. Eu nasci assim e já amava as palavras antes de ser apresentada a elas! Sou carioca, e não combino com o clima do Rio. Sou amante do rock, mas casada somente com as letras. Sou uma rebelde contida; uma utopia real. Para me conhecer, esqueça todas essas definições se apenas uma estiver bem clara: eu nasci para escrever.”





Próximos lançamentos da editora BARAÚNA.

 As Pedras de Adão – Os Sonatas
                          Rondinelle Santos Boning 



Como matar alguém imortal?Essa é a duvida que aflige Adão. Uma criança com o desejo de crescer como outra qualquer, em um mundo dividido entre cobiça, ganância e poder. Alastor Morgentaw, um alquimista sábio e poderoso, mas que na obscuridade trazia com sigo o poder de dominar o mundo convenceu seus amigos alquimistas de que era o único preparado para testar uma nova criação que revolucionaria a sociedade da época: A Pedra Filosofal, capaz de transformar qualquer humano, em imortal.Mas Alastor provou ser um traidor e após se tornar imortal, roubou a pedra, fugiu e partiu na premissa de voltar, acabar com todos e dominar o mundo. Sabendo que era impossível matá-lo, Andreais, a líder dos Alquimistas, resolve persuadir os deuses elementais, únicos guardiões dos poderes que seriam capazes de enfrentar Alastor. Ao passar do tempo e incapaz de sozinha derrotar tal vilão, Andreais confia ao filho, Adão, as pedras, uma carta confusa e um mapa. Entre amigos, traidores e sábios, Adão percebe que ele próprio é a única solução contra uma destruição iminente.
___________________________________________________________________________
Dez_necessários – textos do cotidiano!
                    Fábio Abrahim Atala



A obra é uma compilação de crônicas que utiliza recursos de sinestesia em textos únicos que caracterizam o estilo do autor de olhar em silêncio o cotidiano e a alma das pessoas a sua volta.O livro contém crônicas diversas que vão desde a comédia da vida privada a inocência retro, que remetem a crença na vida em busca da fé que move montanhas para alcançar sonhos.

14 fevereiro 2013

Happy Valentine's day - By Becca Fitzpatrick.



Heeeey, meu Anjos! (já entrando no clima de Hush,hush. kkk)
Quem aqui esta super ansioso pela tal surpresa que a Becca Fitzpatrick tinha prometido? todo mundo estava surtando achando que era algo sobre a adaptação de Hush,Hush para o cinema! MAS NÃO ERA! não que eu não teria ficado super feliz se fosse isso, mas fiquei tão feliz, acho que pq a minha abstinencia de Patch já estava me matando. A surpresa é uma carta de Patch para Nora, pelo que eu vi, se refere ao ultimo livro, então, que não leu fica o aviso : TEM SPOILER.
Eu não sou nenhuma tradutora, mas para facilitar para vcs eu tentei traduzir, não reparem tiver erros ou coisa do tipo, como eu disse, não sou tradutora, mas acho que dá para gasto, e eu achei que muita gente gostaria de ler... então:


(...)Meu anjo.
Minha maior esperança é de que você nunca tenha que ler isso. Vee sabe o momento de entregar essa carta. Se minha pena estiver queimada e eu acorrentado no Inferno ou se Blakely desenvolver um protótipo das artes do mal forte o suficiente para me matar. Quando a guerra entre nossas raças começar, eu não sei o que acontecerá com nosso futuro. Quando penso em você, sobre nossos planos, sinto uma dor desesperadora. Nunca quis que as coisas ficassem bem mais do que quero agora. Antes que eu parta desse mundo, preciso ter certeza de que você saiba que todo meu amor pertence a você. Você é a mesma para mim, assim como era antes de fazer o juramento perpetuo. Você é minha. Sempre. Eu amo sua força, e sua coragem e a suavidade de seu espírito. Eu amo seu corpo também. Como alguém pode ser tão sexy e perfeita e  ser minha? Como você eu tenho um propósito,alguém para amar, acalentar e proteger.Existem segredos do meu passado que pesam na sua mente. Você acreditou em mim o bastante para não questionar sobre eles, e foi a sua confiança que me fez um homem melhor.Eu não quero deixar você com algo escondido entre nós. Eu lhe contei, fui banido do céu por me apaixonar por uma garota humana. Do modo que expliquei isso, arrisquei tudo para estar com ela.Eu disse essas palavras pois elas explicavam a minha motivação. Mas elas não eram verdadeiras. A verdade é que eu fiquei desiludido com as metas incertas dos arcanjos e decidi me virar contra eles e suas regras. Aquela garota era uma desculpa para abandonar um velho modo de vida e aceitar uma nova jornada que iria, eventualmente, me levar a você.Eu acredito em destino. Anjo. Eu acredito que todas as escolhas que fiz me levaram para mais perto de você. Eu procurei por você por um longo tempo. Posso ter caído do céu, mas cai por você.Eu vou fazer de tudo para ter certeza que vencerá essa guerra. Você vai cumprir seu juramento para a Mão Negra e ficará salva. Essa é minha prioridade, mesmo que custe a minha vida. Acho que ao ler isso você ficará zangada. Pode ser difícil me esquecer. Eu prometi que estaríamos juntos até o fim disso, e você pode ressentir-se por eu quebrar essa promessa. Eu quero que saiba que fiz tudo o possível para manter minha palavra. Enquanto escrevo isso, vou além de qualquer possibilidade de estarmos junto novamente. Eu espero encontrar um caminho. Mas se a escolha que tenho de fazer for entre mim e você, escolho você.
Eu sempre escolherei você.

Com todo meu amor,
Patch.(...)

Fonte (http://proudtobeya.blogspot.com.br/2013/02/valentines-day-surprise_14.html)

Lançamento da editora Baraúna - O Economista

Heeey pessoal, venho apresentar para vcs o novo lançamento da editora Baraúna!! "O economista" do autor Ramon Carvalho Silva Bazon.





  • Autor: Ramon Carvalho Silva Bazon
  • ISBN: 978-85-7923-375-3
  • Páginas: 381
O livro conta a história de um renomado economista Wall Street que tropeça no que parece ser uma conspiração. Sua inteligência e esperteza são colocadas à prova, no centro de uma crise financeira global. Ele, então, passa a correr contra o tempo para desvendar uma trama complexa, que mais parece uma armadilha arquitetada pelas cabeças mais cobiçosas de Wall Street. Logo perceberá que não pode confiar em ninguém, e não apenas o dinheiro, mas a sua própria vida podem estar em risco. É neste momento que ele terá de decidir entre o é certo e o que é fácil. Qual decisão você tomaria?

Para quem quiser adquirir o livro, é só clicar AQUI, para comprar direto no site da editora!!!

13 fevereiro 2013

PROMOÇÃO RELÂMPAGO - Editora GENTE.

Heeey pessoal. e editora Gente está com uma promoção super bacana, para comemorar o aniversario de autor Roberto Shinyashiki, que é também o diretor da editora!!
E no comemoração do aniversario dele, quem ganha presente é nós!! *-* Otimo, não?
A editora vai sortear 4 kits de 10 livros do autor. Você vai ficar fora dessa? tem certeza? eu já estou participando, se vc quiser concorrer também, é só clicar AQUI, e seguir as regras!!

Let's go!!


11 fevereiro 2013

2º Edição do Bate – Papo com a Turnê Literária



Olá leitores, ontem, dia 05/02, aconteceu um bate – papo com os autores da Turnê Literária via facebook. Eu participei e trouxe um pouquinho pra vocês verem. Só coloquei as respostas das nossas queridas parceiras Samanta Holtz e Lu Piras. Infelizmente não deu pra colocar todas as respostas aqui, mas vocês podem ver como foi na FanPage da Turne Literaria. 


- Você acha que o marketing da editora seria suficiente para promover um autor nacional?

Samanta Holtz- O marketing é uma ferramenta importante! (eu, que estudei Comunicação Social, sei bem disso!! rs) No entanto, não é tudo. Existem ferramentas intangíveis e que não se aprendem, como o carisma, o carinho, a atenção, o respeito.... Muitas portas se abrem com um sorriso. E o básico, claro, que é lapidar o dom, o talento, com muita dedicação, estudo, tentativa... Você pode ter um livro excelente no mercado, mas é preciso saber apresentá-lo e promovê-lo. Para isso, não são precisos grandes investimentos, e sim técnicas simples, como participar em eventos, entrar em contato com potenciais leitores... Passo a passo, a gente chega lá!

Lu Piras- Na minha opinião, não é suficiente. Como o Ricardo bem disse, é preciso que haja uma parceria entre editora e autor para que o trabalho de divulgação seja realmente eficaz, para que alcance mais gente e para que os horizontes sejam mais alargados. O Brasil precisa firmar melhor a estrutura do seu mercado editorial. O potencial é grande. Acredito na união entre editora e autor e torço para que esse laço seja cada vez mais benéfico para ambas as partes.

 - Fala-se muito da culpa das editoras pelo pouco investimento nos autores nacionais. E os leitores? Qual o papel deles nessa história?

Samanta Holtz- Hmmmmmmmmm!!! A primeira etapa é um balanço entre autores e leitores... Não adianta simplesmente os leitores se disporem a ler mais nacionais. Nós, autores nacionais, precisamos produzir nosso melhor, dar a eles leituras inesquecíveis para quebrarmos de vez o tal preconceito que ainda existe. E, claro, as editoras investirem em bons autores, bons textos, com boas revisões, boas diagramações... Tornar o livro nacional interessante Quanto aos leitores, eu, muitas vezes, não vejo preconceito... Vejo simplesmente que eles vão pelo que está mais comentado, mais divulgado!!! E são os próprios leitores e formadores de opinião (como os blogueiros!) que podem criar esse "zumzum" em cima dos nacionais.... Resenhando, incentivando a leitura, fazendo com que o público entre nas livrarias procurando por nacionais! Da minha parte, aplaudo de pé os blogueiros, que têm se empenhado nisso de verdade

Lu Piras- Como falávamos na primeira pergunta, a união entre editora e autor é fundamental. Mas os leitores são fundamentais para que uma obra se torne conhecida. Opiniões geram mais opiniões.

 - Sabemos que, para valorizar a literatura nacional, é preciso mais investimento das editoras e aposta em iniciantes. E quanto aos próprios autores? Qual o papel deles para que as editoras se sintam seguras para investir nos nacionais?

Samanta Holtz- Conforme já falamos um pouco na pergunta 2... Produzir com qualidade, com preciosismo! Estudar, aprimorar sua escrita... Tornar o seu material digno de investimento, digno de ser lido!!! É o que sempre digo aos meus leitores: meu livro tem que ser digno de estar na estante e no coração deles!

Lu Piras- Escrever é vocação. Mas talento com palavras apenas não faz de ninguém escritor. É preciso que o autor tenha coragem de investir tempo, dinheiro, que ele se coloque no lugar do leitor e escreva para o seu público. É preciso que seja parceiro da editora e que não se limite a escrever. Como dissemos nas perguntas anteriores, o escritor hoje é marketeiro, é vendedor, é empresário... E as editoras valorizam a iniciativa, além do talento.

 - Sabemos da pouca capacidade de distribuição de livros nacionais nas livrarias físicas. Que medidas você acha que as editoras devem tomar para que haja mais espaço para literatura nacional no mercado?

Samanta Holtz- Melhorar a exposição nas livrarias, com certeza, dando maior destaque!!! Claro que não é possível de todos... A editora pode selecionar os nacionais que mais lhe convenham, ou que julguem mais potenciais, e enviarem uma quantia maior às livrarias, solicitar exposição de destaque. Patrocinar eventos, encontros, bate-papos literários........ Afinal, os mais interessados, financeiramente falando, são eles.

Lu Piras- Mais destaqueeeeee!!! Trabalhar com a mídia, saber expor o material nas livrarias físicas. Os preços de alguns livros também ainda estão muito altos. Há tiragens muito pequenas que elevam os preços. É preciso criar uma estrutura que suporte a alta produção editorial interna. Valorizar o que temos aqui. Para isso, é preciso que o público tome conhecimento nas novidades da literatura nacional.


É isso gente. Mais autores estavam presentes e responderam a essas perguntas, mas infelizmente não daria para colocar todos aqui. Então convido a vocês a seguir a página da Turnê Literária no facebook e ler as demais respostas lá! Espero que vocês tenham gostado. Bjo^^


Resenha - Finale - Hush, Hush.






  • Editora: Intrínseca
  • Autor: Becca Fitzpatrick
  • ISBN: 9788580572827
  • Ano: 2013
  • Páginas: 304
  • Tradutor: Viviane Diniz



Sinopse:
Nora e Patch pensavam que seus problemas tinham ficado para trás. Hank estava morto, e seu desejo de vingança não precisava ser levado adiante. Na ausência do Mão Negra, porém, Nora foi forçada a se tornar líder do exército nefilim, e era seu dever terminar o que o pai começara — o que, essencialmente, significava destruir a raça dos anjos caídos. Destruir Patch. Nora nunca deixaria isso acontecer, então ela e Patch bolam um plano: os dois farão com que todo mundo acredite que não estão mais juntos, manipulando, dessa forma, seus respectivos grupos. Nora pretende convencer os nefilins de que a luta contra os anjos caídos é um erro, e Patch tentará descobrir tudo o que puder sobre o lado oposto. O objetivo deles é encerrar a guerra antes mesmo que ela venha a eclodir. Mas até mesmo os melhores planos podem dar errado. Quando as linhas do combate são finalmente traçadas, Nora e Patch precisam encarar suas diferenças ancestrais e decidir entre ignorá-las ou deixá-las destruir o amor pelo qual sempre lutaram.

Resenha:
Depois da morte de Hank, Nora Grey achou que sua vida seria normal novamente. Mas o que ela não podia estar mais errada!
Agora uma Nefilim puro sangue, Nora foi obrigada a fazer um juramente ao seu pai biológico, de que se algo acontecesse a ele, ela lideraria o seu exercito Nefilim em uma guerra contra os anjos caídos, para tentar dar fim ao domínio dos anjos sobre os seus vassalos, e assim, evitar que mais algum outro Nefilim precise jurar lealdade e doar seu corpo durante o Cheshvan.
Quais as consequencia para Nora se ela não cumprir o juramento? A morte, não apenas a dela, mas a de sua mãe também, ela possui apenas suas alternativas: Lutar ou simplesmente morrer . Mas como se a confusão não fosse o bastante, Nora também fez um acordo com os arcanjos, prometendo dar fim a essa guerra. Mas como ela pode manter ambos os juramentos? Se ela não liderar os Nefilins, ela e sua mãe morrem, mas se ela entrar em combate, terá que enfrentar a irá divina dos arcanjos, e sabe se lá quais as consequências disso.
Nora não tem escolha, sua única possibilidade para tentar colocar fim a essa situação, é  liderar os Nefilins para a paz, mas como fazer que eles aceitem que não existe como vencer os anjos caídos, e que tudo que Hank pregou não passava de mentira?
Como se tudo isso não fosse suficiente, ela não é bem aceita na sociedade Nefilim, e como todo cargo de poder, o seu também é cobiçado, mas ela não pode ceder, precisa mostrar o seu valor, e se manter no comando, ou a sua vida e de sua mãe podem ficar em jogo.
Mas Patch e Nora tem um plano, e enquanto estiverem juntos, nada poder ser ruim o suficiente. Só que o surgimento de um traidor entre eles pode colocar tudo a perder, inclusive  o final feliz que eles tanto sonham.


O que eu achei de Finale? aah, não tenho nem palavras para descrever! além de ser  uma de minhas series favoritas,e eu amei todos os livros, com esse não poderia ser diferente! Mas estou com aquele sentimento de perda. SÓ QUATRO LIVROS, BECCA? D:
Pois é, mas acabou como tinha que acabar, sem perder o encanto, e nem ficar prolongando de mais a historia, estilo House of night, que é "Imorrivel".
A Becca conduziu com maestria o enredo. Ok,  devo confessar que inicialmente, por saber que era o ultimo livro, eu fiquei  pensando: "Ueh, só isso?", mas ela da uma recapitulada no fim do livro passado... então, fica um pouco parado no incio.
Outra coisa, apesar de todos odiarem a Nora, eu achei incrível o evolução dela. Claro, ela continua com as crises de ciumes, e afins, mas não tem como odiá-la.Sinceramente? Eu gosto da Nora, desculpa sociedade.
Existe o tempo inteiro aquela tensão da guerra, mas passa uma boa parte do livros só nisso, o que te leva a pensar , se realmente vai acontecer, e quando realmente eclode,você fica mais tenso ainda, pq é um salve-se quem poder, se poder.
Ok, falei um monte de coisa boa né? Bom, vamos a parte ruim, tem uma morte TOTALMENTE desnecessária, ridícula, que eu odiei, fiquei com tanta raiva da Becca por isso, que vocês não podem imaginar! O spoiler seria muito grande para eu poder contar, mas é um personagem regular. Não posso falar mais do que isso, mas tenho que manifestar a minha indignação.
O que dizer do final desse livro? só um palavra: ÉPICO.
Nossa, Hush,hush sempre esteve entre as minhas series favoritas,sou completamente suspeita para falar.
Ok, vamos falar do mais importante de tudo: Patch Cipriano!! OMG! gente, vocês não tem ideia, ele esta muito mais sexy nesse livro, perigosamente irresistível.

(...)Dentro do nosso quarto particular e aconchegante, puxei a gravata dele, desfazendo o nó.
- Você veste essas roupas para impressionar – falei, em tom de aprovação.
- Não, Anjo. – Ele se inclinou e mordeu de leve minha orelha. – Eu tiro a roupa para impressionar.(...)

Sobre a edição em si, não existe como fazer uma critica, pois não existe erro, o livro é perfeito em todos os sentidos, a capa é exatamente o que acontece na historia, Nora assumindo o seu lugar, e Patch sempre ali, como o seu braço direito. (Mas ainda falando da capa, quem aqui achou que essa Nora, esta com cara de Bella? Serio, me lembra muitooooooo.)
A diagramação do livro é simples, e a leitura é muito fácil e leve, é  para "devorar" em poucos dias.Mas não poderia se esperar por algo diferente, Becca Fitzpatrick nos prendeu desde o primeiro livro,e assim como todos os outros livros da serie, Finale tem um ritmo acelerado, e ficamos o tempo todo esperando para quando as coisas realmente vão dar certo e o nosso casal de protagonista vai conseguir ficar junto!
Eu poderia fica horas falando de Finale, e não seria suficiente, então a única coisa que eu posso dizer para vcs é: Leiam. Se vc ainda não conhece Hush, Hush, leio os outros livros da serie, apesar de o tema "anjos caídos"  estar bem saturado, essa serie é muito diferente de tudo que esta por ai. E para quem já conhece, fica só o gostinho amargo de mais uma despedida!! D:

Sobre a autora:

Becca Fitzpatrick nascida a 3 de fevereiro de 1979, Cresceu em Centerville, no Utah, e licenciou-se em abril de 2001 pela Universidade Brigham Young. Trabalhou como secretária e professora. Em fevereiro de 2003 o seu marido, um nativo de Filadélfia, inscreveu-a numa aula de escrita para o seu vigésimo quarto aniversário. E terá sido nessa aula que ela teria começado a escrever Hush, Hush.
O primeiro livro de Becca, estreou como New York Times bestseller. Ela se formou na faculdade com um diploma na área da saúde, e que foi prontamente abandonado para escrever.

09 fevereiro 2013

Resenha - Estilhaça-me.

  • Autor: Tahereh Mafi
  • Editora: Novo Conceito
  • ISBN: 9788563219909
  • Ano: 2012
  • Páginas: 304




 Sinopse:

Juliette não toca alguém há exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – 


e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette seja mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser um guerreiro.


Resenha:

 Juliette não é (humana) normal. Com um toque ela pode matar. Há 264 dias não toca em ninguém, há 264 dias não se olha no espelho. Seus pais deram sua guarda para O Restabelecimento e Juliette esta presa desde então.
Tudo o que Juliette quer é (morrer) ser normal. O desejo de tocar e ser tocada são fortes demais, mas ela se reprime. Não conversa com ninguém desde que foi trancafiada. Mas isso está para mudar com a chegada de Adam, seu novo colega de cela...

Sabe aquele livro que você não consegue parar de ler? É este!! Com uma leitura simples e direta, a autora nos leva a um provável futuro, onde o céu não é mais azul, os pássaros não voam mais. A comida é escassa, e O Restabelecimento faz de tudo para manter a ordem e o poder sobre a população. A mãe natureza resolveu agir, e os mais poderosos querem dominar os mais fracos.

Juliette nos descreve tudo com um sentimento inacreditável, passar pelo que ela passou e mesmo assim ser tão boa, sincera e inofensiva. Tudo o que ela quer é o que ela nunca poderá ter (ou poderá?).

“Meu corpo é uma flor carnívora, uma planta domestica envenenada, uma arma carregada com um milhão de gatilhos e ele está mais que pronto para atirar”.

Este livro é lindo demais. A capa é perfeita. Adorei a idéia de riscar as palavras durante a leitura e em cada virada de capitulo encontramos vidros quebrados. Sem contar que Tahereh nos mostra o quanto é importante o toque quando não se pode ter. Juliette, com sua ingenuidade e insegurança nos mostra o mundo pelos seus olhos. Muitas vezes eu quis entrar na estória para poder estar lá com ela. Adam é TUDO de bom e mais um pouco!!!! Não vou mais falar dele!!!! J Todos os personagens são simplesmente perfeitos, até o vilão ganhou meu respeito!!!

Uma estória que vale a pena ser lida e contada. Super recomendado!!!

“Passei minha vida dobrada entre as páginas dos livros.
Na ausência de relacionamentos humanos, criei laços com as personagens de papel. Vivi amor e perda por meio das histórias enredadas na história; experimentei a adolescência por associação. Meu mundo é uma teia entrelaçada de palavras, amarrando membro a membro, osso a tendão, pensamentos e imagens todos juntos. Sou um ser composto de letras, uma personagem criada por frases, um produto da imaginação fabricado por meio da ficção”.

Sobre o autor:

Tahereh Mafi é uma garota. Ela nasceu em uma cidade pequena em Connecticut e, atualmente, mora no Condado de Orange, Califórnia, onde o clima é um pouco perfeito demais para seu gosto. Quando não consegue achar um livro, ela é vista lendo embalagens de bala, cupons e receitas antigas. Estilhaça-me é seu primeiro romance. 



Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz