6


Resenha: Quero Ser Beth Levitt


Autora: Samanta Holtz
Editora: Novo Século
ISBN: 9788542800449
Ano: 2013
Páginas: 544
Adicione no "Orelha de Livro"


Sinopse: Amelie Wood perdeu os pais aos doze anos e, desde então, vive em um abrigo de meninas. Com a chegada do seu décimo oitavo aniversário, ela vive agora o temido e esperado momento de deixar o lugar que a acolheu por toda a adolescência para enfrentar o mundo em busca dos seus sonhos. Seu bem mais precioso é o velho exemplar do romance que sua mãe lia para ela, na infância. "Doce Acaso" contava a história de Beth Levitt, uma jovem que, como ela, amava o balé e tinha a vida transformada ao conhecer o príncipe Edward. Amie suspira ao reler incansavelmente aquelas páginas, imaginando quando o príncipe da vida real baterá em sua porta... Por isso, ao soprar as velas, não tem dúvida quanto ao seu pedido: "Quero ser Beth Levitt!". Através de grandes coincidências e uma trajetória que ela jamais imaginaria, Amie se vê, de repente, no fascinante mundo do cinema, cara a cara com o príncipe mais lindo que sonharia encontrar e lutando para se esquivar da maldade de muita gente invejosa, contando, para isso, com sua melhor arma: um coração puro.
Resenha:

Como a sinopse acima diz, em Quero ser Beth Levitt, vamos conhecer Amelie Wood. Uma órfã que acaba de completar 18 anos e está prestes a sair do abrigo onde viveu desde os 12 anos, quando perdeu sua mãe.
Amie, é acima de tudo, uma garota doce, ingênua e de coração puro. Ela realmente acredita nas pessoas, que ela podem mudar e que são boas por natureza.
Quando, em sua festinha particular, Amie assopra as velinhas de seu bolo, ela só tem um desejo em mente: ser a protagonista de seu livro preferido "Doce Acaso", onde Beth Levitt vê sua vida mudar drasticamente depois de se apaixonar por um príncipe. Essa é a visão da vida que Amie quer, ela quer ser Beth Levitt.


Não sei como vou explicar em palavras, o que senti lendo este livro. Como em O Pássaro (primeiro romance da autora), Samanta Holtz conseguiu me deixar se palavras. Não sou adepta a romances, ainda mais quando são melosos e em todas as páginas ha um declaração de amor entre os personagens. Mas aqui, neste livro, nada foi escrito para ser meloso, foi escrito com amor sim, mas um amor sincero, onde você quer ver a pessoa que ama feliz, independente se seu futuro está entrelaçado ao dela ou não. Amie, com seu jeitinho de menina e sua ingenuidade, ganharam um destaque enorme aos meus olhos! Um conto de fadas moderno, literalmente, sem todas as facilidades decorrentes do mesmo, aqui as dificuldades existem, Amie não está preparada para viver no mundo real, ela não conhece as pessoas como elas realmente são. Para realizar seu sonho, ela enfrentará obstáculos que não conhecia: ciúmes, traição, inveja...


Fiquei encantada com o carinho da editora neste livro, tudo muito lindo e fofo. A capa está perfeita, passa bem o significado do livro, e a sinopse é curta, não dando muito spoiler do que o leitor encontrará ao ler esta obra. A diagramação é linda! Com detalhes de sapatilha nos inícios de capítulos e nas quebras de narração. Simplesmente perfeita!
Para ser bom, o livro além de bonito, tem que ter conteúdo, e Quero ser Beth Levitt, levará o leitor ao mundo do cinema, atores e atrizes famosos... Também despertará a dançarina que existe dentro de nós, o amor que Amie sente pela dança é contagiante! Tudo muito bem escrito e explicado, imagino o trabalho que a autora teve em conciliar tudo: cinema, dança, e a história de um livro dentro de outro livro!


Todos os personagens merecem destaque nesta obra. Nenhum deles deixou a desejar. São personagens tão reais que o leitor se pega imaginando cada um deles na vida real. A autora conseguiu escrever um história crédula, com um enredo apaixonante e uma leitura gostosa e divertida. A Samanta tem esse poder, é incrível como ela consegue transformar uma história que teria tudo para ser romântica ao extremo, em algo tão gostoso de ler. Parabéns!
Até mesmo os personagens maldosos, foram bem criados para levar o leitor a desconfiar de qualquer um!
Mas, claro que sempre tem um que nós gostamos mais não é? No meu caso, fico com a própria Amelie, que encheu meu coração com suspiros e um amor genuíno. Tudo nela inspira gente! Apesar de ter passado por tantos problemas, sair do único lugar que considerava um lar, ela continuou sua vida, buscando a felicidade onde quer que ela estivesse, e claro, com um bela ajuda do destino, até finalmente encontrar seu lugar no mundo!


Enfim, se indico? Claro, com certeza, corre e compre o seu e comece a ler já! rsrsrsrrsrs
Inspire-se em Amelie, seja mais recíproco, alimente a humanidade com sonhos e esperança, deseje ser feliz, faça mais pedidos, uma hora, alguém pode até ouvir o seu!
Hoje, depois de ler este livro, nem sonharia em ser Beth Levitt, como eu disse a Samanta, eu sonharia em ser Amelie Wood!




Sobre a autora: 



Nascida no Dia Mundial do Livro, a publicitária e escritora Samanta Holtz parecia destinada a trilhar o caminho da literatura. Aprendeu a ler sozinha aos cinco anos, tamanha era sua vontade de entender as histórias que sua mãe lia para ela. Aos nove, ganhou um prêmio municipal de redação em sua cidade, Porto Feliz, interior de São Paulo. Aos quatorze, começou a escrever seu primeiro romance, “Renascer de um Outono”, seguido por “Corpo & Alma”, “O Pássaro” (com publicação em janeiro de 2012 pela editora Novo Século) e, finalmente,"Quero Ser Beth Levitt".


Com histórias românticas e cheias de surpresas, Samanta guia seus leitores por uma deliciosa viagem, levando-os das lágrimas ao riso em questão de capítulos.



6 comentários:

  1. Já tinha ouvido falar da autora, inclusive do livro O Pássaro, mas nunca li nada dela :s
    Confesso que gosto de romances melosos e pela sua resenha o livro parece ser bem juvenil.
    Só lendo pra ver mesmo *-*

    ResponderExcluir
  2. Sempre vejo resenhas desse livro e a cada uma que leio aumenta mais a minha vontade de ler-lo. Já está na lista, agora é esperar para poder adquiri-lo. Mesmo que a capa me chame muita a atenção ( na maioria das vezes me compra ), a história tem que valer a pena . Parabéns
    http://miiheomundoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Minha linda, tudo bem???
    Adorei sua resenha, ela foi curta e precisa... ao contrário de mim que sempre escrevo um verdadeiro livro... Gostei da premissa da história e fiquei ainda mais curiosa pela leitura desse livro. Sua resenha me instigou durante toda a leitura e se tem artes, música e dança a minha atenção aumenta cada vez mais... Irei colocar na minha lista... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu adorei a capa, pela sua resenha passa a mensagem certa.
    E a história parece linda. *-*

    ResponderExcluir
  5. Olá Ana, tudo bem??
    Este livro esta na minha lista de desejados a muito tempo, pois li outras resenhas deste livro e já tinha me encantada tanto com sua historia como com esta linda capa...E depois de conferir tua resenha fiquei ainda mais animada em adquirir ele!!
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  6. Querida Ana Paula,

    Que lindaaaaa resenha você escreveu... e que demais o seu cuidado em colocar as fotos com os quotes!!! Nossa, ameeeeei! *---*

    Fico feliz em saber que você gostou tanto do livro, que consegui manter o romance "na medida certa", sem ser meloso ^_^ Também prefiro assim, e fico feliz em saber que consegui passar a ideia adequada!!

    Beijos, queridaaaa! <3

    ResponderExcluir

Arquivo

© Livros de Elite - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Andréa Bistafa.
http://i.imgur.com/wVdPkwY.png