7


Resenha: Os Três - Sarah Lotz.

Autor: Sarah Lotz
Título original : The Three
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580412697
Ano: 2014
Páginas: 400
Tradutor: Alves Calado
Adicione o livro no Orelha de Livro.

Sinopse:
Quinta-Feira Negra. O dia que nunca será esquecido. O dia em que quatro aviões caem, quase no mesmo instante, em quatro pontos diferentes do mundo. Há apenas quatro sobreviventes. Três são crianças. Elas emergem dos destroços aparentemente ilesas, mas sofreram uma transformação. A quarta pessoa é Pamela May Donald, que só vive tempo suficiente para deixar um alerta em seu celular: Eles estão aqui. O menino. O menino, vigiem o menino, vigiem as pessoas mortas, ah, meu Deus, elas são tantas... Estão vindo me pegar agora. Vamos todos embora logo. Todos nós. Pastor Len, avise a eles que o menino, não é para ele... Essa mensagem irá mudar completamente o mundo. 

 Resenha:

Escolhi este livro pela capa, e confesso que não sou uma grande fã do gênero, mas a capa e a sinopse me pagaram de cara. O livro chegou e eu fui logo colocando no topo da lista de leitura, já que a diagramação do livro é bem atrativa, me deixou ainda mais ansiosa.
Mas o que aconteceu foi que toda a minha animação se extinguiu já logo nos primeiros capítulos.
Os três é uma especie de dossiê investigativo, aborda varias situações pelo ponto de vista de varias pessoas envolvidas, temos transcrição de conversas gravadas, emails, entrevistas e coisas do tipo. Durante a leitura somos apresentados a vários personagens que dividem a narrativa, e suas tramas se cruzam em vários momento. Mas tudo começa com Pamela May Donald, uma senhora que esta viajando para o Japão com o intuito de rever a filha, mas durante o vôo algo começa a dar errado, a turbulência começa e o avião inicia uma descida vertiginosa em direção ao nada.
 Quando Pamela se dá conta, esta caída em meio aos destroços, e ao longe avista um menino, o mesmo que estava no acento a sua frente dentro do avião.A criança não parece ter sofrido nenhum arranhão, mas o mesmo não pode ser dito de Pamela, que sente sua vida se esvair a cada segundo. Em meio ao desespero e angustia, Pamela vislumbra sombras e fantasmas em meio a mata e ao redor do garoto asiático. Ela também grava uma mensagem em seu celular, e é esta mensagem que vai causar panico geral ao redor do mundo, não somente por seu conteúdo, mas o aviso e Pamela somado a mais três acidentes aéreos além do dela, todos no mesmo horário, e com apenas um sobrevivente cada, todas crianças, causam a curiosidade de fanáticos religiosos,apreensão do governo e o desespero das famílias dos passageiros.
“Eles estão aqui. Eu…Não deixe a Sookie comer chocolate, é veneno para os cachorros, ela vai implorar a você… O menino. O menino, vigiem o menino, vigiem as pessoas mortas, ah meu Deus, elas são tantas… Estão vindo me pegar agora. Vamos todos embora logo. Todos nós. Tchau, Joanie, adorei a bolsa, Tchau Joanie, pastor Len, avise a eles que o menino, não é para ele…” - Últimas palavras de Pamela May Donald (1961 - 2012)."
Pastor Len, a quem Pamela endereçou a mensagem deixada, é quem começa a aterrorizar a população e seu fieis com suas teorias de que os sobreviventes dos acidentes são na verdade os cavaleiros do apocalipse, que vieram para a terra para instaurar o caos, a guerra , a fome e a morte. Logo que ele começa a disseminar essa sua teoria, sua congregação dobra de tamanho, fanáticos religiosos de todos os cantos do mundo se juntam a ele para "alertar" a população de que o dia do juízo final está próximo, e que só quem encontrou Jesus será salvo.
"Um acontecimento dessa magnitude tem tudo para centralizar a atenção do mundo, mas por que as pessoas logo pensam no pior ou perdem tempo acreditando em teorias bizarras e tortuosas? Claro, as chances de tudo isso acontecer são infinitesimais, mas, qual é! Será que estamos tão entediados assim? Será que, no fundo, todos não passamos de provocadores?"
Dentre os sobrevivente estão Jess Craddock, Hiro Yanagida  e Bobby Small.
Jess perdeu os pais e a irmã gêmea no acidente; e depois de passar semanas desacordada no hospital é deixada aos cuidados do tio, Paul Craddock, um excêntrico ator fracassado.
Hiro, que é o menino que estava no mesmo vôo de Pamela, perdeu a mãe, e seu pai é um renomado técnico em robótica, com pouco tempo e vontade de estar com o filho, que é a constante lembrança da morte dA esposa.Sendo assim, Hiro acaba aos cuidados de Chiyoko, sua prima nerd.
Já Bob, que perdeu a mãe, e deixado os cuidados dos avós, sendo que seu avô sofre a algum tempo do mal de alzheimer.
Quando as "crianças-milagres" voltam para suas respectivas casas, tudo que suas famílias querem é paz para passarem pela faze do luto, só que o assedio da mídia e dos fanáticos religiosos torna isso quase impossível, principalmente quando eventos estranhos começam a ocorrer ao reder dessas crianças.
Lendo isso tudo que escrevi, parece uma historia fantástica, não? Pois é, mas a autora errou a mão feio, nem de longe o livro é instigante e o final te deixa com ainda mais pontos de interrogação na cabeça. A autora podia ter se focado muito mais no sobrenatural, que deveria ser o tema central, e menos na questão religiosa, e na futilidade da frágil mente humana. Ao concluir a leitura, reli diversos trechos que marquei como importantes, crente que tinha deixado algo de vital importância passar, mas não, o livro termina de forma vaga e sem logica, muito do enredo foi deixado na ambiguidade,  um "entenda como quiser", e eu achei isso bem cansativo, já que o livro em si é massante, se trata-se especulações da autora (a autora criada pela autora, entendem? ) sobre qual foi realmente a causa dos acidente.
Enfim, eu não curti a leitura, mas já vi pessoas o classificando como "5 estrelas". Não posso dizer que é uma leitura desagradável, pois não é, leia sem muitas expectativas e tire suas próprias conclusões.
Como eu falei lá em cima, o livro tem uma diagramação muito bonita, a capa é linda, o texto é super bem revisão, o miolo tem a borda das paginas escuras, é realmente lindo. A única coisa que me incomodou foi a falta Das "orelhas", o livro é uma edição simples, com a capa fininha, tem que manusear com cuidado para não danificar.


Sobre o autor:





É roteirista e romancista de pulp fiction com inclinação para o macabro e pseudônimos. Entre outras coisas, ela escreve romances de horror urbano sob o nome S.L. Grey com o autor Louis Greenberg e uma série jovem adulta de zumbis com sua filha, Savannah, sob o nome Lily Herne. Ela vive em Cape Town com sua família e outros animais.

7 comentários:

  1. Oi!
    Realmente, dependo do estilo que a pessoa mais gosta o livro pode não agradar muito. Tenho para mim que colocar entrevistas em livros, de forma em que estende durante todo o enredo, é bastante delicado. Tem que ser muito aprimorado para não errar a mão e ficar cansativo. Mesmo assim não consigo parar de desejar esse livro. Gosto desse estilo.

    ResponderExcluir
  2. tipo a sinopse é bem instigante, mas acho que não leria pq não faz muito meu estilo sabe.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  3. Oi Geeh,
    Realmente já vi resenhas dando 5 estrelas pra esse livro, mas também já vi várias dando apenas 1 ou 2 estrelas. A sinopse do livro é muito instigante, mas acho que a forma que autora o escreveu é que não parece ter sido a melhor escolha. Mesmo assim quero muito ler.

    Bjok

    ResponderExcluir
  4. Oi, Geeh
    Acho que não me adaptaria com o estilo de narração do livro, parece ser um pouco cansativa. Realmente este livro está dividindo opiniões. A capa é muito bonita.

    ResponderExcluir
  5. Eu estava querendo demais esse livro, por causa da capa e da sinopse super instigante. Mas ao ler a resenha me pareceu que a autora teve uma super ideia, mas escolheu uma forma errada de contá-la, deixando a leitura cansativa e com mais perguntas que respostas. Ainda quero ler esse livro, mas não tanto quanto antes.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  6. Essa foi a melhor resenha desse livro que já li e também acho a capa linda. Então, talvez seja questão de gosto ou não, não sei, mas eu tenho muitas expectativas sobre esse livro e espero que elas sejam atingidas quando eu o fizer. Você deu sua opinião, que amei, por sinal, sua resenha foi muito bem escrita, mas eu espero lê-lo e realmente gostar! kkk
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Este é um dos lançamentos da editora que mais quero ler =)
    Sinceramente, tem tudo que eu gosto aí, e com todos os comentários mega positivos de quem já leu sobre, minha vontade só aumenta <3
    preciso desse livro.

    Beijos.

    ResponderExcluir

Arquivo

© Livros de Elite - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Andréa Bistafa.
http://i.imgur.com/wVdPkwY.png