23 abril 2015

Resenha: Os Anjos de Jade - Psicografia de Gilvanize Balbino Pereira, Romance do Espírito Saul


I Dare You - Desafio Especial: Literatura Nacional



Edição: 1
Editora: Petit
ISBN: 0
Ano: 2012
Páginas: 240

Adicione no Skoob
Compre AQUI - R$ 19,90

Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Distantes da Terra, os habitantes de Jade – uma colônia do plano espiritual – se empenham em nos ajudar a libertarmo-nos do mal. Saul, um médico do Além, lá se encontra, acompanhando de perto os preparativos para a reencarnação de Irene. Na condição de médium, Irene levará adiante a palavra consoladora do Evangelho, a Boa Nova de Jesus. Nas sombras, espíritos perversos se agitam com a intenção de impedi-la. Heitor e Estela – cruelmente perseguidos – conseguirão firmar sua união e receber Irene, um anjo de Jade, como sua filha?

Resenha:

Como vocês já devem ter percebido, eu gosto muito de livros espíritas. Não sou seguidora da religião, mas sou curiosa, e gosto de saber mais sobre o que não conheço.
Já li diversos livros da editora Petit deste gênero, e nunca canso de dizer que cada livro é uma lição a mais na minha vida.
"Atende, ainda, ao conselho de teu coração, porque nada te pode ser mais fiel do que ele." - Eclesiástico, 37:13
Em Os Anjos de Jade, vamos conhecer Estela e Heitor - ela, uma moça da classe baixa, temente a Deus e seguidora do Espiritismo. Ele, um moço de família rica, educado dentro de uma religião diferente e com casamento arranjado por seus pais. Mas o que Heitor e Estela não esperavam, era se encontrarem e se apaixonarem, um amor que já estava escrito, e que traria para o mundo uma filha que seguiria os ensinamentos de Deus e seria uma médium de grande ajuda para o plano espiritual.


Mas nem tudo são flores; enquanto a família de Estela acredita no amor que os une, a família de Heitor rejeita toda e qualquer hipótese de ambos ficarem juntos. Os pais de Heitor são assediados por espíritos malignos e farão da vida deste jovem um martírio até conseguirem o que quer.
"Então, o inevitável aconteceu. O coração é uma terra privada onde a razão não domina. E entre Heitor e Estela, o amor não poderia se calar. Assim, iniciaram o namoro, sem que os pais de Heitor soubessem, pois este receava que eles não compreendessem sua escolha."
Heitor e Estela passaram por grandes provações e perdas, sentirão na pele toda a má influência destinada a eles pelos espíritos malignos. Mas conseguirão alívio nos anjos de Jade, uma colônia astral, onde Saul e demais médicos espirituais não descansarão enquanto houver mal a ser feito a ambos.


Este livro é baseado em uma história verídica, e a cada página, a história de Estela e Heitor ganha um significado diferente para o leitor. Aqui, vamos encontrar amor, perdão, amizade... sentimentos que hoje nos são esquecidos mas que sempre encontram um lugar em nossos corações.
Eu gostei muito do livro e indico a leitura para quem gosta do gênero. A leitura é fácil, muito bem escrito e sem erros aparentes. Encontramos também muitas passagens bíblicas, o que torna a mensagem do livro mais real em nossas vidas.
"Amorosamente, Pedro, um dos líderes da Cidade de Jade que auxiliavam naquela empreitada contra o mal, ajoelhou-se e, com extrema e indescritível ternura, o acolheu em um abraço paternal. Naquele momento, o amor irresistível emanado por tão nobre benfeitor foi maior, fazendo com que as últimas forças resistentes em Bertran, voltadas para o mal, fossem rompidas."
A capa é linda, eu confesso que solicitei este livro pela capa. Simplesmente perfeita e condizente com o enredo apresentado. A narrativa é em terceira pessoa, mesclando entre os personagens principais e os personagens que habitam a colônia de Jade. A diagramação é linda: Com folhas brancas, letras em tamanho confortável para a leitura; capítulos com uma imagem mais clara da capa, títulos e citações bíblicas.


Sem mais, não percam a oportunidade de ler este livro maravilhoso, repleto de ensinamentos que valerão cada página lida!


Avaliação:


Sobre a autora:


É natural de São Paulo, onde reside e colabora no Núcleo Espírita Lar de Henrique, fundado por ela no ano de 1993, sediado no Jardim São Domingos (Butantã). Administradora de sistemas de informação atua profissionalmente nessa área na qual se especializou. Destina grande parte do seu tempo livre à divulgação do Espiritismo, sua crença de fé. Descobriu-se médium ainda na pré-adolescência e hoje se dedica com especial empenho à psicografia. Estudiosa das Obras Básicas de Allan Kardec psicografou vários livros espíritas, nos quais se destaca a mensagem de renovação da alma pela prática do amor e da caridade. Colaboradora dedicada do Núcleo Espírita Lar de Henrique, participa de seus trabalhos voltados para a assistência espiritual e social.
Site: www.lardehenrique .com.br
Facebook: http://www.facebook.com/nucleo.lardehenrique



 Participe do Top Comentarista


7 comentários:

  1. Oi, Ana.
    Não conhecia esse livro. Adorei pelo fato de haver ensinamentos na história, não apenas algo que relata sobre vidas, mas que nos ensina de determinada forma.
    Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana...
    Gosto de livros com passagens bíblicas, mas não que sejam espíritas, não sei se leria. Mas adorei a resenha e o livro tem tudo pra agradar quem gosta.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. bem o livro é interessante, mas nao me atrai muito por se tratar de religiao, mas espero que quem leia goste.

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia esse livro, mas não fiquei muito curiosa para ler, não gosto muito de livros espíritas, não acho que seja meu tipo de leitura. Não me interesso por essa coisa de médium, médicos espirituais e espíritos malignos, a não ser que sejam histórias ditas fictícias.
    Essa leitura eu passo.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Ana, confesso que não gosto nem um pouco de livros desse gênero, esse e auto-ajuda são duas coisas que eu não leio nem que todo mundo na face da Terra me fale que é bom rs Mas legal saber que foi uma boa leitura pra você.
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Nunca cheguei a ler um romance espírita, mas sempre tive curiosidade. Pelo que vi na sua resenha, esse é muito bom. Então acho que seria um bom exemplar para conhecer um pouco mais do gênero. Vou ver se o consigo.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Eu sou meio relutante com religião, até acredito que exista algo, mas não esse deus que as religiões pregam. Então acho que fiquei meio relutante com o espiritismo do livro mesmo!
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz