8


Resenha: Dominados - Mila Wander

Editora: Qualis editora
Autor: Mila Wander
ISBN: 9788568839027
Ano: 2015
Páginas: 490

Sinopse:
Laura Diniz está concorrendo a um cargo na diretoria da Construtora Marcos Delacox.
Henrique Farias também.
Laura Diniz é orgulhosa, ambiciosa, poderosa e viciada em desafios.
Henrique Farias também.
Laura Diniz é uma dominatrix fatal.
Henrique Farias é um dominador intenso.
O jogo de poder e sedução está só começando...




Resenha:

Então, como vocês sabem bem, esse é um gênero que estou bastante habituada e erótico, envolvendo dominação e BDSM ficou extremamente “na moda” depois de Cinquenta tons de Cinza. Mas, esse é um gênero que normalmente vem "de fora", eu particularmente nunca tinha lido nenhum erótico nacional e estava bastante curiosa com esse. Só que esse não é o único diferencial deste livro. Em Dominado, Mila Wander nos apresenta a historia de Laura Diniz, uma engenheira extremamente bem conceituada no mercado, com um currículo de dar inveja a maioria das pessoas, e que atualmente trabalha na Construtora Marcos Delacox.
Laura trabalha incansavelmente para conquistar seu espaço e fazer seu nome no mundo dos negócios, já que além de ser mulher em um nicho masculinizado, é também negra, e apesar de todos negarem racismo, ela já teve provas suficiente de que isso ainda existe e pode prejudica-la.
Laura também tem uma reputação, e não é somente de profissional dedicada. Ela é temida pela maioria dos seus colegas, por seu temperamento instável e personalidade forte, sem contar no instinto competitivo extremamente aguçado e do mal humor constante.
Mas o que poucos sabem é que as peculiaridades de Laura vão muito mais além do que todos imaginam. Ela é uma dominatrix . Sua obsessão por controle vai muito alem do profissional, ela exige submissão total de seus parceiros sexuais.
Só que por trás dessa pose de mulher fatal, determinada e destemida, existe alguém que já sofreu bastante e esconde um passado do qual ela tenta fugir.

Do outro lado, temos Henrique Farias, uma respeitável profissional da área de contabilidade, extremamente competente e bem visto dentro da “Marcos Delacox”, e que ao contrario de Laura, é amigável e simpático com todos.

Mas quando o cargo de presidente da empresa fica vago e Laura e Henrique são indicados para a posição, uma disputa acirrada se  inicia entre essas duas pessoas completamente oposta uma da outra.  Mas entre conversas forçadas e reuniões intermináveis, um desejo descontrolado toma conta de ambos e Laura vai descobrir estar lidando com outro dominador, um tão fatal e intenso quanto ela.
Mas como ceder ao desejo, se nenhum dos dois admite se submeter ao outro?
“Vou deixar uma coisa bem clara, Henrique Farias: eu não sou sua amiga. Não pretendo ser. – Sua voz era só rispidez. – Quero a sua derrota, quero que fraqueje. Eu te desejo muito, mas, no fim, realmente vou querer que se dane."
Assim, ao ler este livro eu acabei descobrindo que minha mente esta totalmente bitolada ao padrão social ditado para relacionamentos. Infelizmente isso é verdade,  já que não consegui realmente me envolver  com a Laura e o fato de ela ser uma dominatrix. Não me entendam mal, eu acho que mulher deve saber o que quer e ir atrás, em todos os sentidos, e isso inclui no sexo. Mas pra mim foi difícil mergulhar na historia, a personalidade da Laura é irreal, intensa demais , forçada demais, por mais  que a pessoa tenha problemas pessoais e de fundo psicológico, é difícil crer naquelas atitudes tomadas por ela.
Já Henrique, é o tipo anti-herói padrão e clichê. O diferencial da historia está no que vai acontecer quando dois dominadores extremamente competitivos estão na disputa de um cargo almejado por ambos  e uma química inegável ,um desejo ardente explode entre entre eles. Essa é a chama que mantem o livro até o final.

Olha, eu nunca tinha lido nada escrito pela Mila e infelizmente não foi uma das minhas melhores experiências. Como eu disse, tive dificuldade em me envolver com os protagonistas, Laura é irreal, com uma personalidade descabida, apesar da bagagem emocional dela ter sido trabalhada de forma incrível. Já o Henrique, é só mais do mesmo, apesar de ter o seu charme. Mas a escrita da autora também foi algo que me incomodou, o livro tem quase 500 paginas e nas primeiras duzentas a narrativa é lenta e repetitiva. Ela também possui alguns vícios de linguajem, repetindo varias vezes a mesma  expressão durante o capitulo.Mas ao mesmo tempo,o livro é uma trama inovadora e polemica, já que pouco existe historias narradas por protagonistas negras, e quase nenhuma sobre dominação feminina.
Um ponto positivo é os capítulos intercalados entre os protagonistas, alterando entre a Laura e o Henrique, nos dando a possibilidade de conhecer ambos.

Sobre a versão física do livro, não tenho nem o que falar, é fantástico e muito bem elaborado, a capa é linda e condizente com a trama, a diagramação também é super bem feita, mas o que mais chama a atenção é a fonte do texto, que foge totalmente ao padrão do mercado editorial que estamos acostumados, é uma fonte grande,escura e fácil para leitura, o sonho de qualquer leitor que usa óculos, como eu!!
Enfim,  eu demorei bem mais do que o normal para concluir a leitura, e também não consegui me envolver com os personagens, mas creio que quem gosta de romances conturbados e personagens fortes, essa é uma leitura indispensável.

Sobre o autor:


 Mila Wander nasceu em Recife e é formada em Pedagogia. No momento está se especializando em Educação e Ludicidade para o Desenvolvimento Humano. Além disso, divide seu tempo como maquiadora profissional e escritora.
Apaixonada por livros desde sempre, sobretudo pelos romances da literatura juvenil, tomou vício pela escrita desde sua adolescência, escrevendo pequenos poemas, composições e pensamentos. Não conseguiu mais parar desde então. Começou a escrever aos quinze anos seu primeiro livro chamado Diário de uma cúmplice, que ainda não foi finalizado. Meu Conselheiro de Luz é sua primeira obra concluída e publicada

8 comentários:

  1. Olá, Geeh.
    Não curto muito livro erótico e sempre ao ler as resenhas acho tudo muito parecido. Sempre me parece a mesma história com personagens diferentes. Ou talvez só eu quem seja chato mesmo. haha
    De toda forma, gostei da dica. Se um dia eu for investir em um hot, irei nesse. Ao menos é nacional.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de junho. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  2. Não gosto de livros eróticos, então na me interessei pelo livro, mas a resenha foi legal. Acho que as autoras nacionais deviam investir mais em outros temas, o que mais tem na literatura nacional são livros eróticos.

    ResponderExcluir
  3. Oi Geeh :3

    Conheci a autora Mila através de O Safado do 105, que ela começou a publicar no Wattpad e Dominados me chama atenção para a leitura, é do tipo de leitura que me agrada, é um drama pesado e com uma personagem bem diferente das que estou acostumada a ler, espero ter a oportunidade de lê-lo e foi uma pena que sua primeira experiência com a autora não tenha sido boa www.livroterapias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ~meu comentário foi cortado pelo blogger~
      e foi uma pena que sua primeira experiência com a autora não tenha sido boa </3 Mas dê a chance de conhecer os outros livros da autora, quem sabe vc não é fisgada por algum deles hihihi

      Beijos!

      Excluir
    2. Eu tenho bastante curiosidade com o Safado!! hahaha

      Excluir
  4. Oi, Geeh!
    Acho que a autora quis criar a Laura como uma personagem diferente das que tanto vemos nesses livros eróticos, mas que pena que não convenceu. :/
    Boa resenha! Um abraço!!

    ResponderExcluir
  5. Oi.
    Fiquei bastante interessada nesse livro, sua resenha me deixou ainda mais interessada.

    ResponderExcluir
  6. Bem, tenho bastante vontade de conhecer as escrita da Mila, mas fiquei com um pé atrás com esse livro. Primeiro porque a protagonista tem traumas do passado (batido), o cara curte BDSM (batido), o cara é rico (batido), e por aí vai. Já colocar uma protagonista negra e dominatrix foi um achado interessante. No mais, é uma pena que sua primeira experiência com a autora não foi das melhores. Eu pretendo ler, só não sei quando.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Arquivo

© Livros de Elite - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Andréa Bistafa.
http://i.imgur.com/wVdPkwY.png