2


Resenha: Dominic: Irmãos Slater #1 - L.A. Casey


Edição: 1
Editora: Bezz
ISBN: B010Z5S6QE
Ano: 2015
Páginas: 371
Tradutor: Bianca Carvalho

Compre: Amazon / Submarino / Americanas

Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Depois de um acidente de carro que matou seus pais quando ela era uma criança, Bronagh Murphy escolheu a isolar-se das pessoas num esforço para manter seu futuro longe de sofrimentos. Se ela não se aproximar de pessoas, falar com elas ou conhecê-las de qualquer forma, ela conseguirá ficar sozinha, do jeito que ela quer.Quando Dominic Slater entra em sua vida, ignorá-lo é tudo o que ela tem que fazer para chamar sua atenção. Dominic está acostumado a chamar atenção, quando ele e seus irmãos se mudam para Dublin, na Irlanda, para cuidar do negócio da família, ele ganha a atenção de todos. Todos, exceto da bela morena com uma língua afiada.
Dominic quer Bronagh e a única maneira que ele tem de chegar até ela, é arrancá-la do seu isolamento voluntário, e ele vai fazê-lo da única maneira que sabe pela força.
Dominic a quer, e o que Dominic quer, Dominic pega!


Resenha:

Quando recebi este livro da editora para resenha, pensei que seria um livro erótico, para adultos. Qual foi minha surpresa, ao começar a ler e me deparar com protagonistas jovens, com 17, 18 anos! Antes de começar a resenha, pensei em colocar o banner que sempre colocamos quando o livro é indicado para adultos, mas como eu poderia fazer isso, se são adolescentes, quase adultos??? Pois bem! Atrevam-se a ler a resenha e o livro, prometo que vocês não vão se decepcionar!


Dominic é o primeiro livro de uma série, acho, que contará as histórias dos Irmãos Slater. Ao contrário do que o título indica, quem narra a história é Bronagh, uma irlandesa de 17, quase 18 anos que depois do acidente que matou seus pais, se fechou para o mundo. Ela não deixa ninguém entrar: amigos, colegas de escola, garotos... NADA! Somente sua irmã mais velha e tutora lhe importa. Pelo menos até Dominic e seu irmão gêmeo Damien chegarem ao colégio...

De princípio, o ódio é recíproco: Bronagh odeia Dominic por ele ser popular e ficar importunando-a. Dominic não desiste facilmente e, mesmo levando vários fora de Bronagh, continua seguindo-a e tentando ser algo mais para ela.
"Normalmente todo mundo conversava sobre coisas aleatórias, mas eu não tinha nenhum amigo, então, ficava na minha. Isso pode soar patético, mas eu realmente não tinha nenhum amigo. E não é que eles não tentassem, a culpa era minha mesmo. Não gostava da ideia de me apegar a pessoas novas, sabendo que elas poderiam ser tiradas de mim."
Logo no começo do livro, temos aquele mimimi da protagonista dizendo que é feia, (ela tem os cabelos compridos e olhos verdes...) que não gosta do seu corpo, (ela tem o corpo "pera" sabe? Coxas e bunda grande, seios pequenos e pouca barriga) e que é virgem porque não pretende se relacionar com ninguém durante sua vida inteira. Para outras personagens, eu até viraria os olhos e bufaria (to falando como Bronagh...) mas é Bronagh! Essa garota é incrível, de verdade! Tem a língua afiada e enfrenta qualquer um com porradas mesmo! Seja homem ou mulher, mexeu com ela, ta ferrado. A irmã de Bronagh, Branna, tbm é assim, e esse foi o charme todo do livro: Bronagh não é uma mocinha indefesa que precisa de ajuda, ela sabe se defender e o faz muito bem.


Com todo o bullying que ela sofre, ela poderia ser depressiva, mas não é. Bronagh é legal com quem é legal com ela. Prefere ser invisível na escola por opção. Ela não quer mais perdas em sua vida. Construiu muros ao redor de seu coração e para derrubá-lo, Dominic apanhará muito, será insultado em todo o livro e perderá a cabeça inúmeras vezes... Será que vale a pena?
"Odiava o fato de meu auto-controle desaparecer todas as vezes que aquele merda estava por perto; qualquer um no planeta podia me irritar que eu manteria minha calma e conseguiria ignorá-lo. Com excessão de Dominic. Eu não sabia o que ele tinha que conseguia mexer tão fácil comigo. E ele sabia disso."
Pois é... eu não sei o que dizer dessa história que me ganhou do começo ao fim... o último YA que eu li e que me deixou assim, foi Belo Desastre e confesso que nem com ele, senti tantas emoções quanto senti lendo Dominic. Este livro é hot, tem cenas de sexo e muitos, muitos mesmo, palavões. Bronagh tem a boca suja e não meça palavras! Dominic é outro boca suja, mas da parte dele me incomodou muito ficar chamando Bronagh de vadia e puta. Acho, sinceramente, que um homem nunca deve chamar uma mulher assim, ainda mais se ele quer conquistá-la... mas como a história se passa na Irlanda, vai que lá é normal neh? O.o rsrsrsrsrs
"Tinha medo de voltar lá.
Precisava ficar longe de Dominic, ela era perigoso.
E eu não gostava de coisas perigosas."
Também devo dizer que os demais irmãos de Dominic são um show a parte! Todos lindos,  musculosos, gostosos e etc... Mas também são uns grandões fofos, que farão de tudo para se manter onde estão.
A história não é somente isso. Vamos encontrar um enredo repleto de ação e com muitas descobertas reveladoras sobre o passado dos irmãos. Apesar das brigas constantes, Bronagh e Dominic tem muito em comum e vão lutar para conseguir manter-se juntos.


Como eu disse, a narrativa é em primeira pessoa, pelo ponto de vista de Bronagh. Uma personagem que adorei, para mim, uma das melhores, disputando com Lisbeth Salander. Gostei muito de acompanhar seus pensamentos e rir muito com eles.
A escrita da autora é gostosa e nos faz viajar para Dublin e ver, durante a leitura, as montanhas que cerca a pequena cidade onde os personagens moram. Os personagens são carismáticos, (menos Dominic que me deixou com raiva durante boa parte do livro) e o enredo é repleto de paixão e ação em doses balanceadas e cheias de humor.
"Eu mal tive a chance de começar a beijá-lo em retribuição, porque subitamente seu corpo e sua boca não estavam mais pressionado contra os meus. Abri meus olhos e descobri que ele estava do outro lado da sala, com uma mulher sobre ele, enchendo-o de socos.
A mulher era minha irmã, e ela estava enfiando a porrada nele.
Puta merda!"
A capa poderia ser mais bem trabalhada, mas é impossível não suspirar com o torço desse modelo neh? rsrsrsrsrsr A diagramação possui detalhes nos capítulos, com a mesma imagem da capa mais apagada, as letras são menores do que estou acostumada, e mesmo gostando muito do livro, foi difícil para mim ler durante a noite; encontrei alguns erros de revisão também, o que me prejudicou um pouco, pois eram frases repetidas e nomes escritos errados.

Do mais, indico a leitura com toda a certeza! Preparem-se para se apaixonar e odiar com a mesma intensidade.


Avaliação:


Sobre a autora:





L.A. Casey nasceu, cresceu e atualmente reside em Dublin, na Irlanda. Ela tem 23 anos, é mãe de uma criança de dois anos e, claro, seu velho amigo de cinco anos, quase trinta, o pastor alemão chamado Storm – pestinha/ anjo dependendo da hora do dia, e seus cães são parte de sua família.
Ela é a autora da série de livros best-seller Amazon, Irmãos Slater.







2 comentários:

  1. Olá, Ana.
    A capa me enganou também. Imaginei ser um livro exclusivamente hot. Nem imaginava que personagens fossem estudantes e tivessem a idade que possuem. A premissa não me chamou muito a atenção, mas a protagonista sim. Gosto de personagens fortes e que quebram padrões sociais.
    Acredito que não leria, mas gostei da resenha.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de abril. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Ana...

    Eu amo essa série, confesso que no começo fiquei com muita raiva pelo modo infantil que eles se portavam em alguns momentos durante a leitura.
    Mas concordo com você, o que a personagem passou me faria chorar como um bebê e não sair nem na porta.
    Mas vamos combinar, a mulher com um corpo desejado por todas? Feia série? Me poupe...
    Eu gostei muito de desfrutar dessa leitura, foi bom ver a força de vontade dessa casal, as brigas, discussões, ciúmes e intrigas.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir

Arquivo

© Livros de Elite - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Andréa Bistafa.
http://i.imgur.com/wVdPkwY.png