28 maio 2016

Resenha: Sombra de Vampiro #1 - Bella Forrest


Edição:
Editora: Amazon
ISBN: B01D1Y4ZJS
Ano: 2016
Páginas: 166


Sinopse: No dia de seu aniversário de dezessete anos, Sofia Claremont está presa em um pesadelo do qual não consegue acordar. Um tranquilo passeio na praia a coloca frente a frente com uma criatura pálida e perigosa que deseja muito mais do que o seu sangue.
Ela é sequestrada e levada para A Sombra, uma ilha onde o sol está eternamente proibido de brilhar. Uma ilha desconhecida por todos os mapas e governada pelo mais poderoso clã de vampiros do planeta. Ela acorda na ilha como uma escrava, aprisionada e acorrentada.
A vida de Sofia tem uma reviravolta excitante e assustadora quando ela é selecionada dentre centenas de garotas para residir na copa de uma árvore onde é situado o harém de Derek Novak, o príncipe real da escuridão.
Apesar de seu vício pelo poder e sua sede obsessiva por sangue, Sofia logo percebe que o local mais seguro de toda a ilha é dentro dos aposentos do príncipe, e ela deve fazer tudo o que está ao seu alcance para conquistá-lo se quiser sobreviver mais uma noite.
Ela conseguirá? Ou estará fadada ao mesmo destino que todas as outras garotas encontraram nas mãos dos Novaks?





Quando eu vi a divulgação desse livro no face, fiquei muito curiosa. A chamada era a seguinte: "Avatar encontra Crepúsculo". Nem preciso dizer que a palavra Crepúsculo já me deixou doida neh? Adoro os livros e os filmes, não tenho vergonha de dizer. Mas não havia entendido o lance do Avatar... aí, acabei comprando o e-book na Amazon e parei o que eu estava fazendo para lê-lo. 24 horas depois, estou aqui, desesperada por uma continuação, que ainda não tem em português, e mais desesperada ainda porque é uma série com inúmeros livros!!!! Morri! +.+
"Ben... ele me via de um jeito que mais ninguém via. Duvido que eu seria forte como sou hoje se não fosse por ele. Ele me dava atenção quando ninguém - nem mesmo meu pai - fazia isso."
Sombra do Vampiro é um livro que me conquistou logo pela capa. Nem li a sinopse para saber se eu iria gostar do livro, fui logo desbravando as páginas no meu kindle e, gente! Que livro maravilhoso!
Esquece Crepúsculo ok? Acho que usaram essa comparação para vender este livro, mas nem precisava disso, porque o enredo em si, dispensa comparações. Claro que vamos encontrar semelhanças, mas garanto a vocês que vocês vão gostar mesmo assim. Ha! E o lance do Avatar.... bem, vocês terão que ler para descobrir! rsrsrsrsr (Não é o desenho a Lenda de Aang! kkk)
"Eu estava convencida de que eu havia sido drogada com um alucinógeno, ou então de que a doença da minha mãe havia finalmente me acometido, porque naquele momento tive  certeza de que estava prestes a ser comida viva por um vampiro."
Neste primeiro volume da série, vamos conhecer Sofia Claremont, uma adolescente prestes a completar 17 anos. Logo no prólogo, somos apresentados a cruel realidade da protagonista. Sua mãe foi internada e após isso, seu pai sumiu no mundo, deixando-a para viver com a família Hudson. Sofia sobre de uma doença que nenhum médico conseguiu descrever claramente, ela tem pânico no meio de muita gente, consegue se lembrar de tudo o que vê. Além disso, ela é tímida e nutri um sentimento não correspondido pelo filho mais velho da família Hudson - Ben também é seu melhor amigo e o único que consegue acalmá-la durante uma crise.


Em uma viagem a Cancún com a família Hudson, Sofia está preparada da declarar seu amor por Ben, mas imprevistos acontecem e, na noite de deu décimo sétimo aniversário, ela sai para passear na praia próxima ao resort e é sequestrada. Quando acorda, Sofia está em uma ilha chamada Sombra. Para sua sorte, ou azar, ela é escolhida entre muitas garotas de sua idade para fazer parte do harém do príncipe Derek Novaks. O que ela não imaginava é que está em uma ilha onde fugir é impossível, a noite não tem fim e, o príncipe é um vampiro que acaba de acordar faminto depois de 400 anos dormindo.
"Seja o que for este lugar chamado "A Sombra", eu não tinha aliados aqui. Nenhum amigo. Eu só tinha a mim. E isso, logo percebi, era o aspecto mais assustador do meu dilema. Afinal, como eu poderia depender de alguém em quem não confiava?"
Os vampiros que habitam a Sombra são vampiros originais. Nada de brilhar, andar na luz do dia e tal. Morrem sim, pelo jeito normal que conhecemos de matar vampiros - estaca no coração. Logo que chega a ilha, Sofia percebe que há vampiros bons e ruins. Ruins como Lucas, irmão mais velho de Derek, que mesmo sabendo que Sofia é prometida a seu irmão, passa a assediá-la terrivelmente. Sofia sabe que pode morrer a qualquer momento, sua única chance de manter-se viva, é conquistar a afeição de Derek.
"As palavras de Vivienne ecoaram dentro de mim. Vampiro mais forte e poderoso. Lembranças de como havia jogado Sofia contra aquela pilastra invadiram minha mente. Minhas entranhas se contorceram. Ela parecia tão delicada em meus braços, e ainda assim tão destemida. Eu era a morte, e estava olhando dentro dos olhos dela. Ela olhou de volta, sem hesitar."
Como eu gostei de ler este livro! Senti falta de uma história assim, que mexe com nossos sentidos e nos deixa doidos para saber mais. Conhecer personagens diferentes e se apaixonar por eles de uma forma que nada mais importe. Foi exatamente o que aconteceu comigo. Passei um sábado inteiro lendo este livro, sendo impossível parar minha leitura antes de saber o que mais aconteceria.


Os personagens são bem construídos e muito diferentes uns dos outros. Sofia é uma protagonista forte, decidida e amável. Apesar da doença que a afrige, depois que ela chegou a Sombra, senti que isso deixou de ser um mal para ela e passou a ser um dom. Gostei muito de seu jeito de impor seus pensamentos, mesmo querendo fugir daquele lugar, Sofia deixou se encantar pelo mesmo.
Derek é um homem de 18 anos que dormiu por quatro séculos! Sua curiosidade com a tecnologia cativa o leitor e nos faz pensar no quanto evoluímos. Mesmo com muita idade nas costas, Derek não é como o restante de sua família. Ele sente falta de ser um humano, de se sentir quente, de se importar com outras pessoas que não seja sua família. Seu espanto ao conhecer a humanidade contida em Sofia é lindo de se ler.
"Percebi que Derek me deixava intrigada. Ele era um paradoxo, uma contradição ambulante. O modo como ele era capaz de cometer um ato tão violento em um momento, e logo após me tratar com tanta gentileza, era desesperador."
Família essa que é o ponto alto da trama: não chegamos a conhecer o pai de Derek, só nos são apresentados Lucas e Vivienne, irmã gêmea de Derek. Lucas é odiável, tem uma rivalidade com seu irmão que o torna um personagem detestável. Ainda não consegui decidir se gosto ou não de Vivienne, mas entendi que a mesma tem um papel fundamental para o que está por vir.
"Tudo o que sabia era que, ao acordar do feitiço de Cora, eu esperava cair na mesma escuridão da qual eu havia buscado escapar há tantos séculos. Esperava acordar em uma escuridão total... No entanto, acordei com ela. Com sua beleza despretensiosa e seus quentes cabelos ruivos, acho que a melhor maneira de descrever Sofia era: raio de luz."
A escrita da autora é gostosa e nos deixa ávidos por mais. Nunca li nada dela, mas já posso dizer que ganhou mais uma fã. A narrativa é em primeira pessoa, pelo ponto de vista dos personagens principais: Sofia e Derek. Também temos um capítulo (o último) narrado por Vivienne, quando vocês lerem, vocês entenderão o porque. Mesmo com a narrativa não abrangendo todos os personagens, as descrições feitas por Sofia e Derek são coesas e sem rodeios, o que não deixou o enredo enfadonho.
A capa de toda série é linda demais, e essa em especial, faz jus ao enredo apresentado. A série ainda não tem editora aqui no Brasil, este volume foi publicado em português pela Amazon somente em e-book, e agradeço imensamente a Amazon por isso! Espero sinceramente, que os próximos volumes saíam logo!
Enfim, se deixar fico aqui tentando convencê-los de lerem este livro. Se vocês gostam de fantasia, especialmente de vampiros, precisam conhecer essa história. Preparem-se para fortes emoções e mantenham seu coração no peito, pois corremos o risco de perdê-lo sem querer!


Avaliação:



Sobre a autora:


Bella Forrest é autora do best-seller da série "A Sombra de Vampiro", que é o # 1 nos gêneros romance de vampiros, Paranormal & Fantasy. A série também é um Top 10 Bestseller Amazon geral. Forrest também é autora da trilogia "A Shade of Kiev" (uma continuação de um dos um tom de livros de vampiros) e duologia "Beautiful Monster".
Uma autora indescritível, que manteve sua vida privada totalmente invisível, Bella Forrest (quem quer que seja) tem dominado a arte de encontrar e capturar a atenção de um público-alvo. Em pouco mais de três anos, esta autora auto-publicado saiu do nada para dominar o romance do vampiro, Paranormal e gêneros fantasia e com  elogios e pedidos de mais por parte dos seus fãs.
Bella Forrest, como uma autora auto-publicada, fez seus livros prontamente disponíveis em todos os formatos, incluindo e-book, brochuras e livros de capa dura. Vários estão disponíveis como audiobooks, que são lidos por Emma Galvin e Zachary Webber nos papéis principais, e vários outros. Forrest mantém uma presença constante, mas escassa em mídias sociais, postando principalmente para lembrar seus fãs sobre os próximos lançamentos. Ela toma o tempo para brevemente agradecer a cada um dos muitos cartazes que elogiam seu trabalho. Talvez sua personalidade secreta é uma das chaves para o seu sucesso. Certamente não foi um obstáculo para sua popularidade com os fãs.


6 comentários:

  1. Só pelo fato de ter vampiros já tinha despertado minha atenção. Mas no momento não o leria, só em saber que tem outros livros me desanima. Se fosse apenas um ainda arriscaria. Não tem coisa pior do que esperar uma continuação.
    Gostei muito da resenha, beijos.
    http://recolhendopalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Adoro historias com vampiros, ainda mais quando são diferentes, achei interessante o fato dos vampiros serem mais originais. Gostei da protagonista ser daquelas fortes e que não se deixa abater pelos acontecimentos. Pela resenha fiquei curiosa pra ler, pena que ainda não tem físico quem sabe um dia sai rsrs.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Ana.
    Gosto de vampiros, mas confesso que não sei se leria a obra. A palavra Crepúsculo me assombra. ahaha Confesso que não gosto nada da série (desculpe!). Além disso, tenho trauma com protagonista jovens e tudo mais.
    Contudo, seus elogios me deixaram na dúvida. Ler ou não ler? haha Vou ficar de olho no livro e aguardar a continuação e sua resenha, claro. Dependendo da sua próxima opinião, dou uma chance para série.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
  4. Ola, adorei o resumo. Li o livro depois e achei muito bom. Tem continuação em português?

    ResponderExcluir
  5. Olá pessoal, quero deixar minha opinião sobre o livro, primeiro a única semelhança de “a sombra de um vampiro” tem com “crepúsculo” além dos vampiros (obvio) é a obsessão que o personagem principal tem com uma humana.
    Gostei da leitura é diferente do que estamos acostumados, os seres humanos são escravos e bolsas de sangue ambulantes, os vampiros morrem com estacas e com a luz do sol. Eu estou ansiosa pelo segundo livro!

    ResponderExcluir
  6. gostei muito do livro! li em horas, e não conseguia parar de ler. então tem noticias do segundo livro?? to desesperada kkk bjos

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz