6


Resenha: Encruzilhada: Dois Destinos e Uma Escolha (Encruzilhada #1) - Kasie West


Edição: 1
Editora: Seguinte
ISBN: 8565765717
Ano: 2015
Páginas: 304


Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: A vida de Addison Coleman é um grande “e se…?”, graças à sua habilidade especial: Investigar Destinos. Addie é capaz de prever duas possibilidades de seu futuro toda vez que precisa tomar uma decisão. Quando os pais dela anunciam o divórcio, a garota deve escolher se vai morar com o pai entre os Normais ou se prefere ficar com a mãe no Complexo Paranormal. Para ter certeza do que a espera, Addie resolve Investigar. Em uma alternativa, ela conhece Trevor, um Normal sensível com quem logo sente uma conexão. Na outra, se envolve com Duke, o garoto mais popular da escola Paranormal. E agora, em qual futuro Addison estará disposta a viver?


Ao ler a sinopse, tenho certeza que, assim como eu, você não ficou curioso com a história neh? Mas olha, sinceramente, vocês precisam ler este livro e descobrir o quanto o livro é incrível, bem escrito e com um enredo pra lá de diferente de tudo o que já li. Explico o porque:

Addie vive em um Complexo Paranormal com sua família. Sua mãe é uma Persuasiva, ou seja, ela pode convencer qualquer um a fazer qualquer coisa. Seu pai é um Discernidor, ou seja, um detector de mentiras ambulante. Addie por sua vez é uma Investigadora de Destinos. Ela pode visualizar dois caminhos distintos para seguir e investigá-los para ver qual é o melhor para si, mas só pode escolher um para seguir. Aí você pode pensar que esse é um poder enorme nas mãos de uma garota de apenas dezesseis anos... não, não é! Addie é uma protagonista sensata, intuitiva e muito forte. Ela usa sua habilidade somente quando preciso, pois não gosta das lembranças que ficam do caminho que não foi escolhido.
Sua melhor amiga Laila, é uma Apagadora. Ela consegue apagar qualquer lembrança que a pessoa queira. Ao contrário de Addie, Laila é popular, linda e adora paquerar. Dentro do Complexo, encontramos diversos outros jovens com habilidades incríveis, e é nesse conceito que iniciamos a leitura de Encruzilhada.
O Complexo Paranormal é escondido do mundo Normal. Poucas pessoas saíram de lá, as que saíram para viver no mundo Normal, tem que se comprometer a nunca contar para um Normal o que podem fazer. Isso acontece por que os morados do Complexo podem usar mais de 10% de sua capacidade cerebral. São treinados e ensinados diariamente a como expandir sua habilidade,

Addie ainda sofre com as lembranças de sua última Investigação e se vê novamente em uma encruzilhada: seus pais vão se separar e ela precisa escolher entre ficar no Complexo com sua mãe ou ir morar em Dallas, no mundo Normal com seu pai. Diante dessa questão, Addie resolve investigar qual dos dois destinos é o melhor para ela. O que ela pode descobrir poderá mudar sua vida para sempre.
"Me acomodei melhor no travesseiro e tentei relaxar. Era difícil saber que estava prestes a ser inundada por lembranças de uma vida que ainda não tinha vivido. Na verdade, duas opções de vidas que ainda não tinha vivido. Seriam só cinco minutos para Laila. mas seria como um mês para mim. Me concentrei nas energias ao meu redor e tudo ficou escuro."
Partindo dessa premissa que achei genial (durante a leitura fiquei pensando no filme Lucy), nós leitores nos encontramos em um enredo com dois caminhos diferentes junto com a protagonista. Os capítulos são intercalados entre um destino e outro, e vamos percebendo como Addie reage a cada provação que lhe é imposta. Ficando no Complexo, Addie vai se envolver som o Duke, o cara mais cobiçado da escola; indo para o mundo Normal, Addie conhecerá Trevor, um garoto simples, legal e sensível. Mas o que já parece certo para Addie, pode ter proporções gigantescas!
Gostei muito de como a autora construiu os personagens desse livro: Addie é uma protagonista que me conquistou logo nas primeiras páginas. Sua amiga Laila também é uma personagem bastante presente no enredo e um dos personagens principais do livro. Os demais personagens secundários trazem para a trama uma carga emocional coesa e que nos deixa apreensivos com todos os acontecimentos. Sem falar no suspense de roer unhas!!! Você não sabe o que esperar, os caminhos de Addie estão sendo traçados e você só sabe qual ela escolheu a poucas páginas do final do livro!
"Minha habilidade era a minha vida. Ela se manifestou para mim mais cedo do que nos outros - no início do sexto ano. Mas mesmo antes disso, desde pequena, minha mãe constantemente avaliava meus pontos fortes, testando meus padrões mentais, vendo para onde eu me inclinada. Sem minha habilidade não tenho certeza de quem sou."
A narrativa é em primeira pessoa, pelo ponto de vista de Addie. Ela descreve seus sentimentos e medos dos dois caminhos enquanto Investiga. Gostei muito de como em um dos caminhos, Addie ficou menos obediente e mais "revoltada". No outro, temos uma Addie mais calma e compreensiva que guarda raiva de sua mãe e ama seu pai.
Como disse acima, os capítulos são divididos entre dois destinos. Alternadamente, vamos acompanhando Addie em suas descobertas e sentimentos. Os capítulos possuem números e abaixo, uma palavra e seu significado; como vemos no dicionário. Gostei demais disso, pois algumas das palavras são específicas para o mundo Normal e outras para os Paranormais.
Não obstante, a autora ainda coloca alguns crimes na trama: garotas estão sendo mortas dentro do Complexo Paranormal e o pai de Addie é convidado a ajudar na investigação. No lado Normal do mundo, alunos jogadores de futebol americano estão sendo machucados propositalmente, todas as lesões são sérias e isso só ocorre quando jogam contra uma única escola. Inevitavelmente, Addie participará de ambas as tramas, mas só escolherá um caminho... qual será?
"- Quando leio sinto minhas próprias emoções. Emoções que nenhuma outra pessoa me obriga a sentir. Pra mim, parece quase mais real, porque sei que aqueles personagens não podem me influenciar com nenhuma habilidade. Então gosto de lembrar que posso ter sentimentos sem ninguém me manipular."
Do mais, indico sim a obra. A capa é linda e condiz com o enredo apresentado, a edição está perfeita, sem erros aparentes e com letras em tamanho confortável para a leitura.
Já comecei a ler o segundo livro (Fração de Segundo) pois minha curiosidade é imensa e não aguentei esperar! rsrsrsrsrs Em breve trago a resenha dele tbm!


Avaliação:



Sobre a autora:





Kasie West se formou na Universidade Estadual de Freno, na Califórnia, e mora com o marido e os quatro filhos. Além de escrever, Kasie se diverte praticando wakeboard, ouvindo rock alternativo, lendo até tarde e comendo muito chocolate amargo com menta. Também gosta de fingir que namora Hugh Jackman e Adam Levine - os dois ao mesmo tempo.







6 comentários:

  1. Olá.
    Ao contrário de você fiquei bem curiosa com o livro ao ler a sinopse, rsrsr.
    Acho que pelo fato de me lembrar bastante um jogo que eu amei: Life is Strange. Tudo bem que no game a Max tem a habilidade de voltar no tempo e alterar algumas coisas no passado, mas a sinopse do livro me lembrou bastante esse game.
    Fiquei bastante curiosa com o enredo e o fato da autora adicionar elementos investigativos a trama, me deixa ainda mais empolgada. Com certeza quero conhecer esta história.

    ResponderExcluir
  2. Confesso que apesar do livro estar na minha lista de desejados, eu não conhecia muito sobre a historia, porém endo a resenha acabei ficando mais curiosa ainda para saber mais.

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha esse livro tem muita coisa que gosto, esses poderes são bem interessantes, dilema difícil esse da protagonista em escolher onde vai ficar. Essas mortes e as lesões nos alunos estão bem misteriosos, fiquei me perguntando quem esta por trás disso rsrs.

    ResponderExcluir
  4. Olá.
    Já havia lido a sinopse do livro, mas agora lendo sua resenha, fiquei bem mais curiosa e interessada. A premissa é bem diferente e traz um enredo muito envolvente. Gosto desse gênero e vou querer ler, com certeza! Sua resenha está muito bem escrita! Obrigada pela dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Ana.
    A premissa é mesmo diferente. Claro, a questão do suspense, com os crimes acontecendo, me anima ainda mais a conferir a obra. Certamente estará na minha lista de leituras.
    Ótima dica!

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de agosto. Serão dois vencedores e um deles levará um vale compras!

    ResponderExcluir
  6. Eu ameeeeei demais as resenhas que li, as capas dos livros, aiii quero muito!!
    Achei a história muito bem bolado, os personagens bem descritos pelo jeito e com personalidades solidificadas, sem ser razoavelmente escritos.
    Amei tudo!
    E depois de ler sua resenha fiquei ainda mais empolgada e morrendo de vontade de ler agora!!!
    Obrigado por postar!
    Adorei também o marcador do blog!! LINDÃOOOO!!
    Da um pra mim? e outra pra minha mana? Ela adora a torre Eiffel kkkkkkk
    bjão

    ResponderExcluir

Arquivo

© Livros de Elite - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Andréa Bistafa.
http://i.imgur.com/wVdPkwY.png