13 setembro 2016

Resenha: Sem Pudor - Juliana Costa



Edição: 1
Editora: Universo dos Livros
ISBN: 9788550300054
Ano: 2016
Páginas: 352

Sinopse: Na sequência de "Sem Vergonha", Mina Bault e Ryker Strome pensam ter deixado para trás as experiências traumáticas que vivenciaram com a máfia russa. No entanto, depois de receber uma ligação suspeita, Ryker percebe que Mina ainda está em perigo e vai a Paris à sua procura, a fim de protegê-la. Com a ajuda do agente Zahner, da irmã de Ryker - Lexa Strome - e de Sven, seu misterioso e sexy amigo, o casal deverá descobrir uma maneira de livrar-se defitivamente dessa perseguição. Mas, nesse ínterim, a boate Lucky's irá presenciar intensos shows da Tímida - com direito a sexo no placo! - e servirá de esconderijo para traçar os planos de assassinato de aluguel, roubos, jogos de sedução, política e interesses.

Resenha sem spoiler do livro anterior


Resenha do primeiro livro -Sem Vergonha

"(...) É difícil resistir a um bad boy que no fundo é um homem bom."
Sem Pudor é a continuação de Sem Vergonha, e logo no início, como a sinopse diz, vamos acompanhar a nova vida de Mina depois que Ryk fez um acordo com o agente da Interpol, Zahner, para livrá-la do depoimento e ela poder voltar a sua vida. Mas, mesmo à distância, um não consegue parar de pensar no outro. Mesmo que Ryk tente, Mina esta em sua cabeça o tempo todo.
Assim, longe de Ryk, Mina tenta continuar sua vida de onde ela parou, mas sua casa foi explodida e perdeu seu último emprego... Seria até fácil conseguir outro, mas a versão "oficial" dos fatos ocorridos com ela não é versão verdadeira e isso a está impedindo de conseguir um novo emprego.
Ryker, por outro lado, está trabalhando e possui uma nova identidade, já que está no serviço de proteção a testemunhas. Mas recebe uma ligação informando que Mina corre perigo, e sua atual condição é jogada pelos ares! Desesperado para saber se Mina está bem e em segurança, Ryker foge de Zahner e vai para Paris, atrás de Mina.
O que ele não poderia imaginar é que é isso mesmo que seus inimigos querer: Pegar os dois juntos!
"Eu precisava parar de pensar na palavra "matadores russos". Elas faziam com que eu me sentisse ridícula e potencialmente morta. E eu não era uma fã em particular de nenhuma das duas opções."
Partindo dessa premissa, Julianna Costa continua com a mesma pegada do livro anterior; a máfia russa não desiste de apagar as testemunhas do assassinato e, Mina e Ryk precisam fugir novamente. Só que desta vez, eles contaram não somente com a ajuda dos personagens do livro anterior, conheceremos Lexa, irmã de Ryk, Sven e Lola. Três personagens que eu amei conhecer e já adianto aqui: Dona Julianna, faz favor de escrever mais dois livros para esses personagens ok? ok! rsrsrsrs
A narrativa da autora é contagiante! Eu não conseguia parar de ler. Consegui terminar o livro em menos de um dia, tamanha era minha curiosidade. Neste volume, encontramos mais ação e aventura. Me senti lendo um livro policial, não um romance erótico! Adorei essa abordagem e fiquei muito curiosa enquanto minha leitura durou. As cenas de sexo continuam maravilhosas e, além das cenas entre Ryk e Mina, também vamos presenciar cenas entre outros casais.
O enredo é mais intenso, mais concentrado. Os novos personagens chegam para dar um ar de sobriedade no meio de tanto povo doido, mas acabam se rendendo ao charme do clube de Luckas e tornam-se especiais, e da família também!
"Meu esporro foi liberado com violência, me levando a um dos maiores êxtases que eu já tinha experimentado na vida, apenas para me fazer perceber que Mina dava um trabalho do cacete, mas que, (...) para mim, ela sempre seria a mulher pela qual valia pena esperar."
Não pense que a "Tímida" se perdeu só porque não é mais virgem. Mina continua enrolada, engraçada e maravilhosa!
Ryker, como eu disse na resenha anterior, é aquele bad boy que odiamos amar. No começo, até pensamos que ele não merece um final feliz, mas ele cresce consideravelmente na trama e nos deixa cada vez mais apaixonados!
Não tenho palavras para descrever o quanto gostei dos dois volumes. Julianna tem o dom de escrever histórias incríveis, mas me peguei torcendo o nariz em algumas partes mais românticas e melosas. Fora isso, não tenho o que reclamar, só tenho a indicar a obra e esperar que vocês gostem tanto quanto eu!
A narrativa continua em primeira pessoa, acompanhando principalmente, Ryker e Mina, mas também teremos narrativas de outros personagens como no outro livro. A capa é maravilhosa e nunca um livro ficou tão perfeito com o marcador do blog quanto esse! A torre Eiffel ao fundo me deixou de olhos brilhando!
Com todo o cuidado da editora em trazer um livro lindo para os leitores, não tenho o que reclamar de nada. Perfeito como sempre!
Atreva-se a deixar e vergonha de lado e se entregar!
"Era demais: colocar toda a responsabilidade do nosso sucesso em uma tentativa de sedução a ser realizada por uma garota que teve uma crise histérica de risos na primeira vez que viu um pênis ao vivo."



Avaliação:



Sobre a autora: 



Nasceu em 06 de maio, em Recife. Em 2011, aos 22 anos publicou seu romance de estréia: "Agnus Dei". O primeiro livro da série "A Idade do Sangue".
Em 2014, lançou o romance erótico "23 Noites de Prazer" pela editora Universo dos Livros.





8 comentários:

  1. Acredita que eu gostei muito mais da capa do segundo livro do que do primeiro? Mas a minha opinião permanece a mesma, eu preciso mesmo ler antes de formar uma opinião, principalmente porque o gênero erótico não tem me agradado em sua maioria. No entanto, gostei de saber que a personagem principal manteve a sua essência, mesmo com as mudanças ao longo da história.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ana Paula!
    Sua resenha está perfeita, porém a premissa do livro não me conquistou. Não é um gênero de leitura que eu goste. Talvez um dia venha a ler por curiosidade, mas não no momento. Mas com certeza será sucesso entre os fãs do gênero. Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Eu já fiquei super curiosa só com a leitura das resenhas do livro anterior, imagina com esse ! Não parece os livros clichês que eu já li por ai, tem mais historia e emoção.
    Eu só posso dizer que me apaixonei por esses personagens, parecem tao divertidos, que fico aqui querendo saber mais sobre esse casal. Assim que tiver oportunidade, pretendo ler, sem dúvidas !
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Olá, Ana.
    Interessante o fato da autora ter ido além dos clichês e envolvido a máfia russa. Isso sem dúvidas chama a atenção na obra. Só de não ser aquele esquema patrão e secretária já chama a atenção.
    Ademais, os personagens parecem ser muito bons.
    Ótima resenha.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de setembro. Serão três vencedores, cada um ganhando dois livros.

    ResponderExcluir
  5. Oi
    que bonita a capa desse livro, que bom que gostou dessa continuação, conheci um livro da autora através da resenha do primeiro blog, gostei da resenha e a história parece ser bem movimentada.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Ana!
    Já gostei da capa o que chama muito atenção.
    E se envolve máfia, principalmente Russa que é pouco desenvolvida em livros já me chamou ainda mais a atenção e fiquei doidinha para ler a série toda, vou atrás.
    “A música é uma revelação superior a toda sabedoria e filosofia.” (Ludwig van Beethoven)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Nossa leu rápido então é bom mesmo rs. Quero ler pois deve ser muito divertida e contagiante essa série e pelo fato de ser diferente do que vemos habitualmente já vale e muito. Também não gosto das partes melosas.

    ResponderExcluir
  8. Oi..
    Nao conhecia a serie e nao lembro de ter lido nenhum livro da autora,mas gostei bastante da premissa do livro,ainda mais por nunca ter lido relacionado a mafia russa,e apesar de vc nao ter gostado da parte muito melosa ,acho que vou gostar mais ainda do livro pois adoro essas partes melosas.rs.. otima resenha.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz