7


Resenha: O Medo Mais Profundo (Myron Bolitar #7) - Harlan Coben


Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580416145
Ano: 2016
Páginas: 272


Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Na época da faculdade, Myron Bolitar teve seu primeiro relacionamento sério, que terminou de forma dolorosa quando a namorada o trocou por seu maior adversário no basquete. Por isso, a última pessoa no mundo que Myron deseja rever é Emily Downing. Assim, ele tem uma grande surpresa quando, anos depois, ela aparece suplicando ajuda. Seu filho de 13 anos, Jeremy, está morrendo e precisa de um transplante de medula óssea – de um doador que sumiu sem deixar vestígios. E a revelação seguinte é ainda mais impactante: Myron é o pai do garoto.
Aturdido com a notícia, Myron dá início a uma busca pelo doador. Encontrá-lo, contudo, significa desvendar um mistério sombrio que envolve uma família inescrupulosa, uma série de sequestros e um jornalista em desgraça.
Nesse jogo de verdades dolorosas, Myron terá que descobrir uma forma de não perder o filho com quem sequer teve a chance de conviver.


O medo mais profundo é o terceiro livro da série Myron Bolitar que leio. Os livros são histórias independentes, então não há problema em lê-los separadamente. Veja meu caso: O primeiro livro da série que li foi Alta Tensão, o décimo livro da série! rsrsrsrsr
Em momento nenhum percebi que estava lendo uma continuação, só descobri isso qdo fui escrever a resenha e vi no Skoob que era o décimo livro de uma série. Cada livro, apesar de sempre ter os mesmos personagens principais, tem seu final bem explicado e concluído.
"- Você ama seu pai, certo?
- Você sabe a resposta.
- Sei. Mas o que faz dele seu pai? O fato de que um dia subiu na sua mãe e ficou gemendo depois de tomar uns drinques? Ou a forma como ele amou e cuidou de você nos últimos 35 anos?
Myron olhou para a lata de achocolatado.
- Você não deve nada a esse garoto - continuou Win - e ele não deve nada a você. Vamos tentar salvar a vida dele, se é isso que você quer, mas nada além.
Myron ficou pensando. A única coisa mais assustadora do que um Win irracional era quando ele fazia sentido."
Neste volume, vamos acompanhar Myron na busca por um doador de medula óssea para seu filho Jeremy. Myron nem sabia que tinha um filho e essa descoberta o faz pensar em inúmeras coisas. A começar pela saúde de seu próprio pai, que já não é a mesma.
Para conseguir achar o doador que está desaparecido, Myron fará coisas que nunca pensou em fazer: será que Win, seu melhor amigo, tem razão? Os fins justificam os meios?
Myron terá que desvendar esse mistério sombrio se quiser que seu filho de apenas 13 anos, tenha uma chance para continuar vivendo.
Cada livro que leio do autor, me deixa com a sensação de dever cumprido sabe? Apesar de ser uma ficção, Harlan consegue tocar fundo em nosso ser com um, ou mais, assuntos importantes. Nesse volume, Harlan nos atenta para a doação de sangue e medula. A doença de Jeremy, anemia de Fanconi, ataca somente crianças. Possui cura, que é o transplante de medula óssea. Mas encontrar um doador totalmente compatível, é muito difícil. No enredo do livro, somente um doador foi encontrado para Jeremy, imagine então, na vida real!
Além disso. Harlan também trabalha a relação entre pai e filho, aborda questões sobre o assunto e mostra o que um pai pode ser capaz de fazer para salvar seu filho.
"Alguns homens, que Myron invejava, guardam tudo, enterram os segredos, escondem o sofrimento, esses clichês todos. Ele raramente conseguia. Não era do tipo que caminhava sozinho pela rua da amargura - gostava que Win o seguisse. Não pegava uma garrafa de uísque e afogava as mágoas - discuria-as com Esperanza. Não era algo lá muito macho, mas ele era assim."
Contudo, mesmo com um assunto tão importante e de utilidade pública, Harlan ainda cria um enredo cheio de suspense e mistério que, de capítulo a capítulo, vai levando o leitor a acreditar que desta vez, um final feliz não será o fechamento perfeito da obra. Harlan abusa do poder de dedução, cria diálogos inteligentes e engraçados, e instiga o leitor a continuar lendo, até enfim, virar a última página!
Os personagens são maravilhosos! Eu me apaixonei por Myron no primeiro livro que li! Não consigo imaginar personagem mais perfeito. Myron não é detetive, ele é um agente esportivo, mas as coisas acontecem tão naturalmente para ele que, quando ele percebe, está investigando e se metendo em encrencas. Myron é um homem bom, honesto, gentil, engraçado e sempre tem uma boa resposta na ponta da língua!
Win, o melhor amigo de Myron, é outro personagem que eu adorei conhecer. Ele não é tão "humano" quanto Myron, mas a amizade dos dois é linda e as coisas que Win faz por Myron... mesmo não sendo sempre coisas boas, nós conseguimos ver que o cara gosta mesmo de Myron e está disposto a tudo para protegê-lo.
Esperanza, amiga e sócia de Myron, é a alma humana que sempre dá ótimos concelhos e está pronta para ajudar Myron. Conhecemos mais dela no livro Detalhe Final, e confesso que, se não fosse a Big Cindy, Esperanza seria minha personagem feminina preferida.
"Quando se despediu o pai com um abraço, Myron notou de novo que ele parecia menor. Segurou-o junto a si por mais tempo que o normal. Pela primeira vez, sentiu-se maior e lembrou-se de repente do que o pai dissera sobre trocar de papéis. Então prolongou o abraço em meio à escuridão. O tempo passou. O pai bateu nas costas dele. Myron mantinha os olhos fechados e continuava a apertá-lo. O pai afagou seu cabelo e murmurou para reconfortá-lo. Só por um instante. Até os papéis se iverterem outra vez, com os dois retornando a seus lugares."
Do mais, não tenho o que reclamar do livro, só elogiar. A é narrativa em terceira pessoa e acompanha Myron e suas descobertas no decorrer das páginas. A editora fez um belo trabalho: a capa é muito bonita e segue o parâmetro dos livros da série; diagramação simples mas bem feita, sem erros aparentes. Um ótimo livro para se ter na estante e ler sempre que for possível. Harlan Coben escreve com maestria, deixando o leitor ávido por mais e conquistando cada vez mais fãs!



Confira abaixo as demais resenhas publicadas no blog da série Myron Bolitar:
- Detalhe Final #6
- Alta Tensão #10


Avaliação:



Sobre o autor: 







Harlan Coben foi o primeiro autor a vencer os três prêmios mais prestigiados da literatura policial nos EUA, o Edgar Award, o Shamus Award e o Anthony Award, encontrando-se actualmente traduzido em cerca de 37 línguas e contando com mais de 20 milhões de exemplares vendidos. A crítica, desde o New York Times, ao Wall Street Journal ou ao Le Monde, tem-lhe dispensado as mais elogiosas referências.






7 comentários:

  1. Oi, Ana Paula!
    Que linda sua resenha! Perfeita! Sou fã de Harlan Coben e a cada livro que leio, mais eu gosto da escrita do autor. Esse livro ainda não li, mas claro que está na lista. Os enredos são sempre muito inteligentes, temas importantes e rodeado de mistérios. Adoro!
    Ótima dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Ana!
    O Harlan tem uma criatividade fabulosa.
    Adorei saber que aborda sobre a doação e mistura suspense e mistério no enredo.
    Quero ler logo.
    "O conhecimento chega, mas a sabedoria demora."(Alfred Tennyson)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  3. Estou muito curiosa para ler esse livro, que só leio elogios, fiquei feliz de saber que fala sobre doações que é muito importante na vida real. Que adrenalina que deve ser essa corrida no tempo em busca desse doador que fiquei curiosa para saber como vão encontrá-lo e quem é.

    ResponderExcluir
  4. Que bom que esse é outro livro bem feito dele. Parece ter tudo que o autor sabe fazer de melhor e deixa a gente doido pra saber o que está acontecendo. Só queria ter lido essa série na ordem. Mesmo sendo independente não é, acho. Porque tem coisas que alguns livros falam e relacionam com outra história, umas coisinhas pequenas mas que acho que ficaria mais interessante lendo na ordem pra entender melhor. Quero ler esse.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Ana.
    O livro parece ser muito bom! Adoro suspense em terceira pessoa; acredito que dá para desenvolver bem melhor os casos assim. Ademais, Myron parece ser um personagem muito bem construído. Para fechar, o enredo me pareceu muito bom.
    Sem dúvidas, quero conferir.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de outubro. Serão dois vencedores, dividindo 5 livros.

    ResponderExcluir
  6. Nunca li nenhum livro do Harlan Coben, sempre vejo só comentários bons de seus livros!! A estória aqui parece fazer com que não paremos de ler página após página!! Uma trama intrigante e cheia de mistérios em que Myron vai tentar encontrar o doador de medula óssea para Jeremy, que simplesmente desapareceu, e tentar recuperar o tempo perdido em que ficou longe de seu filho!! Já quero ler!!

    ResponderExcluir
  7. eu li esse livro recentemente e amei! amo a maneira que o Coben cria personagens e dá uma história pra eles. o fato d'os personagens coadjuvantes serem tão bem explorados tbm me faz acrescentar algumas estrelinhas. o meu personagem favorito foi, sem sombra de dúvidas, o filho da Emily (achei incrível como o Coben o construiu e a forma que ele tem participação na história, mesmo que não esteja presente em todo o livro). e, ah, amei o desfecho da história como um todo. :)

    também resenhei esse livro, pode dar uma olhada? clique aqui pra assistir! <3

    abraços! <3
    Alex, do blog Um Bookaholic.
    umbookaholic.com | Canal | @umbookaholic: instagram/twitter

    ResponderExcluir

Arquivo

© Livros de Elite - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Andréa Bistafa.
http://i.imgur.com/wVdPkwY.png