14 dezembro 2016

Resenha: Outra Página de Cada Vez - Adam J. Kurtz


Edição: 1
Editora: Paralela
ISBN: 9788584390403
Ano: 2016
Páginas: 176
Tradutor: Henrique De Breia E Szolnoky
Compre: Ponto Frio / Extra / Saraiva

Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Com muita criatividade, humor e um toque de auto ajuda, o designer americano Adam J. Kurtz encantou os brasileiros com seu primeiro livro, 1 página de cada vez. Lançado em 2014, ele já vendeu mais de cem mil cópias no país. Agora Adam está de volta com Outra página de cada vez, que reúne novas atividades capazes de melhorar o nosso dia a dia de maneira lúdica. Lançando mão de novo de um traço simples e elegante, ele propõe outras brincadeiras e questionários que levam o leitor a pensar ou simplesmente levantam a nossa moral nessa época difícil. Sempre com inteligência e sensibilidade. Algumas páginas são só para ler e pensar, mas nem por isso são menos divertidas. Como no primeiro livro, você pode fazer várias atividades de uma vez ou abrir o livro de vez em quando e brincar. Um raio de sol em tempos de trovoadas.




Divertido e envolvente.

Quero parabenizar o autor pelo bom humor e pela iniciativa de escrever essa continuação, onde o leitor pode se divertir, chorar, até mesmo, rasgar o livro, se assim desejar.

No inicio, confesso que achei estranho ficar falando com o livro, é o primeiro que leio nesse gênero, mas logo senti que estava interagindo com o autor. Quando me dei conta já estava tão a vontade que passei a considera-lo como amigo. 


Esse é o tipo de livro que te leva de volta a infância e ao mesmo tempo te faz assumir responsabilidades como um adulto. te faz pensar, te mostra que você  tem o direito de parar, querer ir além ou até mesmo não querer fazer nada. Me diverti muito e gostaria que outras pessoas também tivessem essa mesma oportunidade. 
A capa é linda, simples com detalhes que lembram livros infantis, não possui orelhas e as páginas são amarelas. Como é um livro de colorir, não tenho muito mais o que falar sobre ele. Espero que vcs leiam e gostem tanto quanto eu! Recomendo!


Avaliação: 


Sobre o autor: 


Adam J. Kurtz é um designer gráfico e um cara legal.



10 comentários:

  1. Ana!
    Os livros infantis que nos trazem a sensação de serem interativos, na minha opinião são sempre bem criativos e nos revelam reflexões que talvez nem percebêssemos no cotidiano.
    “O verdadeiro sentido do Natal não está nos presentes e nem no papai noel, mas sim no nascimento de Jesus Cristo, que veio ao mundo para nos libertar do pecado e ser o nosso único salvador!” (Andréia Godoi)
    Boas Festas!
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de DEZEMBRO ESPECIAL livros + BRINDES e 4 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Esse livro ao meu ver, propõem exatamente essa interação, que faz com leitor reviva outros momentos, e que o faça refletir sobre os momentos atuais. Já conhecia o livro, no entanto nunca me interessei por adquiri-lo, porém gostei tanto da sua resenha, e forma como você o descreveu, que com certeza irei dar uma chance.

    ResponderExcluir
  3. Confesso que não gosto de livros neste estilo, porém achei a capa um máximo.

    ResponderExcluir
  4. Ai que divertido! Sabe que sempre encarei os livros Com esse toque de autoajuda como algo chato e que falam coisas muitas vezes sem pé nem cabeça ? Mas esse eu senti que tem uma pegada diferente, faz você se sentir leve, é super divertido e te faz sentir uma louca kkkkk adorei a dica !

    ResponderExcluir
  5. Adoro livros desse gênero poético. Já li Segundo: Eu me Chamo Antônio e #Amor e eu amei. Achei que esse parece um pouco mais com "Destrua esse Diário" por conter mais interação com o leitor. Fiquei com vontade de ler a obra, acho esses livros muito bem feitos e trabalhados.

    ResponderExcluir
  6. Pra quem gosta desse gênero é muito bom a distração e o divertimento, como eu não me interesso e nem sou boa pintora passo a vez, quem gosta desses tipos de livros é minha filha.

    ResponderExcluir
  7. Olá.
    Sinceramente não é um estilo de leitura que eu goste, mesmo porque, não estou acostumada com livros nesse estilo. Mas quem sabe, um dia! Imagino que deva ser bem divertido.
    Ótima resenha. Abraços.

    ResponderExcluir
  8. adorei o trabalho gráfico feito (pelo menos pelas fotos)
    parece ser bem interessante, mas não é o meu tipo de leitura favorito, parece aquelas coisas, mais p vc abrir aleatoriamente e ler - ou então mensagens tipo de cartão.
    enfim... quando eu for numa livraria vou dar uma folheada para ver se eu dou uma chance a ele
    adorei a dica

    ResponderExcluir
  9. Olá, Ana.
    O 1 página de cada vez eu comecei a fazer, mas acabei desistindo pelo caminho.
    Esse parece ser interessante e ter uma pegada bem legal também. Fiquei curioso, mas não sei se compraria.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de dezembro. Serão dois vencedores, dividindo 3 livros.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Ana!!
    Não curto muito esse estilo de livro mas amei a capa!!
    Beijoss

    ResponderExcluir

Adptação e personalização por QueenG Design

Tema Base por Butlariz